O leite de hipopótamo é rosa e tem componentes de filtro solar para a pele

Um copo de leite de hipopótamo tem 500 calorias.
Por em
Fonte da imagem: O leite de hipopótamo é rosa e tem componentes de filtro solar para a pele

Você seria capaz de beber um copo de leite rosa, mesmo sabendo que ele tem propriedades boas para a pele? Pois os filhotes de hipopótamo crescem graças ao alimento materno de coloração rosada, resultado da presença de ácidos específicos para o desenvolvimento da espécie.

A cor rosa é produzida devido aos ácidos hiposudórico e norhiposudórico, de diferentes pigmentos, que são combinados ao leite branco. O ácido hiposudórico tem coloração avermelhada e é conhecido como “suor de sangue”, apesar de não ser nem uma coisa nem outra. Já o norhiposudórico apresenta uma cor laranja brilhante.

Esses dois ácidos têm um papel importante na proteção da pele dos hipopótamos, impedindo o crescimento de bactérias e servindo como filtro solar ao bloquear os raios ultravioletas.

Fonte da imagem: Reprodução/FactsList

O hipopótamo é o terceiro maior mamífero terrestre, atrás apenas dos elefantes e dos rinocerontes, mas é o único que produz leite de cor rosa. Esses animais vivem longos períodos embaixo da água, podendo submergir todo o corpo e deixar apenas as narinas, os olhos e as orelhas acima da água.

O acasalamento, o nascimento e até a amamentação dos hipopótamos ocorre dentro da água. De hábitos anfíbios, esses animais passam o dia submersos em riachos e apenas durante a noite saem para se alimentar de plantas e pastos.

Lactação rosa

Os hipopótamos reproduzem um indivíduo a cada gestação. O nascimento é realizado embaixo da água para evitar acidentes na queda, fornecendo um ambiente mais seguro para a espécie. Assim que nasce, o filhote nada até a superfície para respirar.

Após o nascimento, o filhote é cuidado e protegido pela mãe por 12 meses. Durante os primeiros meses de vida, o hipopótamo se alimenta exclusivamente do leite cor-de-rosa de sua mãe. Um único copo desse leite contém 500 calorias, além dos tais ácidos para proteger a pele do animal. Depois de 3 meses, o filhote da espécie começa a se alimentar também de grama e pasto.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria? Colabore com o autor clicando aqui!

Comentários (0)