Quando falamos sobre arte, seja ela representada do jeito que for, devemos sempre ter a mente aberta às mais diversas possibilidades, afinal alguns trabalhos artísticos têm o poder de nos comover e de nos apresentar formas, combinações e proporções completamente novas.

E foi justamente pela novidade que o trabalho do artista Thomas Medicus acabou chamando a nossa atenção. O cara conseguiu a proeza de criar uma escultura móvel que à medida que se movimenta, acaba se transformando em formas diferentes, novas.

A peça que você vai ver no vídeo abaixo foi feita a partir da combinação de 160 filetes de vidro, que, juntos, formam imagens complementares de maneira quase mágica. Depois de assistir as imagens abaixo, não deixe de contar para a gente o que você achou delas.