Um jogo polêmico e irresponsável tomou as redes sociais na última semana. O desafio da Baleia Azul atinge principalmente adolescentes e propõe atividades perigosas que incluem até mesmo o suicídio. Na contramão desse jogo está a página da Baleia Rosa, criada no último dia 13, com o objetivo de envolver as pessoas em desafios positivos, como "Poste uma foto usando a roupa que te faz sentir bem", "Use suas mãos para fazer carinho em alguém" e "Passe um dia sem usar palavras negativas".

A iniciativa é de uma publicitária de 30 anos que preferiu não se identificar para não dar um rosto à baleia. "Eu fiquei muito impressionada quando soube desse jogo. Eu e um amigo decidimos então criar essas atividades que fossem positivas, que ajudassem na autoestima das pessoas. A gente queria incentivar as pessoas a fazer o bem para outras", explica a idealizadora do projeto. 

É claro que a página acabou atraindo muitas pessoas que estão lutando contra problemas psicológicos. Por isso, os criadores da página encontraram uma psicóloga que pudesse responder as mensagens mais complexas e de pessoas que realmente precisam de ajuda profissional. "A gente quer que isso se espalhe, que vire algo bom para as pessoas, que possa ajudar essas crianças", conta a publicitária. 

A página já conta com mais de 100 mil fãs e 23 desafios do bem que engajam internautas que, além de compartilhar as tarefas, postam fotos para provar que estão cumprindo todas as missões do jogo. Com certeza é muito melhor do que se envolver em atividades perigosas! 

***

O Mega está concorrendo ao Prêmio Influenciadores Digitais, e você pode nos ajudar a sermos bicampeões! Clique aqui e descubra como. Aproveite para nos seguir no Instagram e se inscreva em nosso canal no YouTube.