Aprenda a transformar um simples clipe em chave

Veja como abrir uma porta com fechadura simples utilizando o velho truque do clipe metálico.
Fonte da imagem: DIYHacksAndHowTos Aprenda a transformar um simples clipe em chave

Você já deve ter visto inúmeras vezes mocinhos e bandidos usarem um simples clipe para destrancar portas e cadeados nos filmes, não é mesmo? Contudo, pelo menos no caso da maioria de nós, quando tentamos fazer o mesmo em casa o truque simplesmente parece impossível de replicar.

Para solucionar esse problema, DIYHacksAndHowTos postou no site Instructables instruções detalhadas de como abrir praticamente qualquer coisa, de algemas de brinquedo a cadeados baratos, assim como portas e travas, usando um simples clipe de metal. Na verdade, essas fechaduras não são grandes prodígios de segurança, servindo mais para desencorajar um pouco a ação de invasores.

Você pode conferir as instruções — em inglês, mas com passo a passo detalhado ilustrado por fotos — de como abrir as mais variadas travas através deste linke aprender a seguir o que fazer se você ficar preso e precisa abrir uma porta com uma fechadura comum sem o uso da maçaneta:

1 – Abra um clipe e deixe-o em formato de “U”;

Fonte da imagem: Reprodução/Instructables

2 – Coloque uma das pontas do clipe no espaço entre a porta e o batente. Quanto maior for esse espaço, mais fácil será chegar até o trinco;

Fonte da imagem: Reprodução/Instructables

3 – Vá empurrando o clipe e, depois, movendo-o de forma que a ponta que foi introduzida enlace o trinco e saia novamente;

Fonte da imagem: Reprodução/Instructables

4 – Por último, puxe as duas pontas do clipe;

Fonte da imagem: Reprodução/Instructables

5 – Isso deve abrir a porta.

Fonte da imagem: Reprodução/Instructables

***

Vale ressaltar — por via das dúvidas! — que os truques ensinados por DIYHacksAndHowTos devem ser utilizados quando você ficar trancado em algum lugar por acidente, por exemplo (algo que acontece com muita gente) ou estiver em um apuro semelhante. Use o conhecimento para o bem e não para fins ilegais.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria? Colabore com o autor clicando aqui!

Comentários (0)