Chegou o momento de nos prepararmos para mais uma viagem digital aqui no Mega Curioso. Hoje, escolhemos o Canadá! Esse é um dos países mais frios do mundo, repleto de paisagens impressionantes, um ecossistema rico, cidades multiétnicas e um povo bastante hospitaleiro. Portanto, prepare-se para conhecer muitas curiosidades sobre esse local que certamente deve estar entre os destinos dos mais aventureiros – e que possui algumas das cidades com o maior padrão de qualidade de vida do mundo.

O território canadense está localizado logo acima dos Estados Unidos e é bastante conhecido por ser o segundo maior do mundo em extensão, menor apenas do que o russo. Com longos litorais no Oceano Pacífico, no Oceano Atlântico e no Oceano Ártico, o país possui como principal lema a frase do latim “A Mari Usque Ad Mare”, que quer dizer aproximadamente De Mar a Mar.

Um país de muitas nacionalidades

O Canadá foi habitado por séculos pelos povos aborígenes da região, o nome dos índios norte-americanos, e hoje é habitado por diferentes tipos de nacionalidades, sendo considerado um país verdadeiramente multiétnico. De acordo com o censo de 2010, o país possui aproximadamente 35 milhões de habitantes que estão distribuídos em todo o seu território.

Devido à imensidão da nação, esse é um dos países com uma das menores densidades populacionais do mundo (3,3 habitantes por quilômetro), já que as cidades se encontram quase que por completo no sul e até 150 quilômetros dos Estados Unidos. Foi somente no fim do século 15 que os europeus realmente colonizaram as terras do Canadá, com destaque para os ingleses e franceses. O inglês e o francês são as duas línguas oficiais do país e o bilinguismo oficial é definido na Carta Canadense dos Direitos e das Liberdades.

Inclusive, o inglês e o francês possuem o mesmo estatuto em tribunais federais, em todas as instituições do país e no parlamento. Aproximadamente 98% dos canadenses falam inglês ou francês (os outros 2% estão distribuídos em línguas de imigrantes), sendo que somente 17% são capazes de falar os dois idiomas oficiais fluentemente – 58% só falam inglês e 22% falam somente francês.

As cidades do lado inglês

Como já comentamos no artigo, mais da metade da população do Canadá está localizada na parte inglesa do país. Entre as cidades mais populosas, estão Toronto (maior cidade do país com dois milhões e meio de habitantes), Vancouver, Ottawa, Calgary e Edmonton. Toronto é o maior polo industrial, financeiro e de telecomunicações do Canadá, além de ser caracterizada por uma economia bastante diversa (sedes de empresas, instituições culturais, entre outros).

Apesar do tamanho bastante grande, Toronto é uma das cidades mais seguras do continente americano – e sua taxa de criminalidade é impressionantemente menor do que qualquer cidade com as mesmas proporções nos Estados Unidos. Outro centro metropolitano bastante conhecido pelos turistas em especial é Vancouver, localizada na costa do Oceano pacífico do Canadá.

Vancouver é uma cidade etnicamente bastante diversa, já que mais de 50% de seus habitantes têm como língua materna um idioma diferente do inglês. Está entre uma das cidades mais habitáveis do mundo e já recebeu diversos títulos por sua qualidade de vida, especialmente devido aos inúmeros parques e praias da região, somados com as montanhas próximas que servem para os mais variados esportes na neve.

Toronto

Vancouver

As cidades do lado francês

As maiores cidades predominantemente francesas do Canadá são Montréal e Québec. Depois de Paris, é Montréal que possui a maior população francófona do mundo. Montréal possui, segundo pesquisas e opiniões dos próprios turistas, umas das populações mais bem educadas do mundo – conceito que é comum em praticamente todo o Canadá, assim como alto padrão de qualidade de vida em cidades grandes e pequenas.

Montréal também possui uma “cidade subterrânea” que é bastante frequentada no inverno, já que as temperaturas negativas que facilmente beiram os -20ºC não permitem muitas atividades externas. Existem 33 quilômetros de passagens subterrâneas que se interligam umas às outras e que contam com acesso ao transporte público, como metrô e ônibus, além de possuírem mais de mil lojas, 200 restaurantes, sete hotéis, museus, cinemas e teatros.

Québec é a capital da Província de Québec e é considerada uma das cidades mais antigas do país. Aproximadamente 96% das pessoas de Québec são descendentes de franceses, sendo que os outros 4% são divididos em ingleses, escoceses ou irlandeses. O centro da cidade é dividido em duas partes, chamadas de cidade alta e cidade baixa, que são separadas por colinas inclinadas e conectadas por um elevador e diversas escadas.

Montréal

Québec

Um inverno extremamente rigoroso

As temperaturas no Canadá variam bastante conforme as regiões, porém os verões tendem a ser amenos e os invernos extremamente rigorosos. No interior e nas áreas de pradarias canadenses, as temperaturas médias giram ao redor de -15ºC, porém podem cair para -40ºC sem dificuldades no inverno.

Então você já sabe, neve é algo muito comum para os canadenses – tanto que o esqui e o hóquei são esportes comuns e difundidos em todo o território, assim como lacrosse (que é mais praticado no verão). Por outro lado, no litoral da Columbia Britânica, os invernos são amenos, apesar de serem muito chuvosos.

As fundações culturais do Canadá

Os britânicos, franceses e indígenas influenciaram os aspectos culturais do Canadá, sendo que o país é essencialmente composto por essas três raízes históricas. Por exemplo, diversos nomes de cidades e províncias do Canadá possuem origem nos nomes indígenas, sendo que muitos dos esportes e costumes desses povos foram absorvidos pelos canadenses em geral. Além disso, por ser um país formado por imigrantes, culturas de muitas outras nações influenciaram o desenvolvimento do Canadá.

A atual bandeira do Canadá foi criada não muito tempo atrás, em 1965, e possui um dos símbolos nacionais: a folha de bordo, ou como eles dizem, maple. O mais impressionante é que a folha de bordo está verdadeiramente presente na vida dos canadenses, já que é com ela que eles produzem um xarope bastante típico do país, um tipo de melaço – e que é adicionado nas mais variadas comidas e bebidas.

O Canadá também é extremamente conhecido por suas belezas naturais. E, com um país dessa magnitude, é esperado que muitas paisagens impressionantes possam ser vistas. Sejam as Montanhas Rochosas, o Lago Peyto, as Cataratas do Niágara, entre muitas outras. Veja algumas delas logo abaixo:

Curiosidades aleatórias sobre o Canadá

  • Os canadenses consomem mais macarrão com queijo do que qualquer outra nação do mundo;
  • O Canadá já foi invadido pelos Estados Unidos duas vezes: em 1775 e em 1812;
  • Os canadenses detêm o maior número de medalhas de ouro já ganhas nos Jogos Olímpicos de Inverno;
  • Montréal é conhecida por suas belas igrejas e é frequentemente chamada de A Cidade dos Santos e A Cidade de Mil Torres e Sinos;
  • Canadenses famosos incluem: Pamela Anderson, Leonard Cohen, Avril Lavigne, Justin Bieber, Keanu Reeves e Jim Carrey;
  • Não são dados hormônios artificiais nas vacas do Canadá;
  • O Canadá é considerado o país mais educado do mundo;
  • O MCDonald’s de lá serve um prato exclusivo e regional com lagostas;
  • “Dildo” é o nome de uma ilha no Canadá;
  • Metade das províncias do país são governadas por mulheres;
  • A maior fronteira do mundo é entre os Estados Unidos e Canadá;
  • O Canadá possui mais lagos do que todos os países do mundo combinados;
  • De 35% a 50% das músicas tocadas em rádios canadenses devem ser de origem de artistas canadenses;
  • Você pode escrever em qualquer língua para o Papai Noel, no Polo Norte, endereço HOH OHO, Canadá, e ganhar uma carta de volta.