E se doenças mentais fossem retratadas com clipes de papel?
71
Compartilhamentos

E se doenças mentais fossem retratadas com clipes de papel?

Último Vídeo

O designer gráfico Eisen Bernardo está acostumado a criar representações diferentes de coisas cotidianas, e é por isso que sua proposta de comentar doenças mentais através de clipes desses de escritório é, no mínimo, muito interessante.

“Um clipe de papel é uma inovação muito simples. É apenas um metal torcido, mas que pode manter as coisas juntas (embora não permanentemente, mas pode). Eu até tenho um clipe de papel tatuado para lembrar todos os dias que ‘eu deveria manter as coisas unidas’. Para mim, isso simboliza a vida mais porque tem um ponto inicial e um ponto final. Há também direção de movimento que pode retratar como as pessoas vivem as suas vidas. Pode ser de fora para dentro, ou estando em contato com o seu interior e ir descobrindo devagar o mundo do lado de fora”, declarou Bernardo, em uma publicação no Bored Panda.

Você, que nos lê, já tinha enxergado um clipe de papel dessa maneira assim tão cheia de poesia e com tantas relações com a nossa vida? Com todas essas ideias em mente, Bernardo resolveu mergulhar no universo das doenças mentais e mostrar, também com clipes de papel, como elas são e como nos afetam: “Através destas ilustrações minimalistas, espero promover consciência e compreensão desse problema alarmante”, disse ele. Confira a seguir:

1 – Depressão

Eisen Bernardo

2 – Ansiedade

Eisen Bernardo

3 – Transtorno Bipolar

Eisen Bernardo

4 – Transtorno Obsessivo Compulsivo

Eisen Bernardo

5 – Transtorno do Estresse Pós-Traumático

Eisen Bernardo

6 – Transtorno de Identidade Dissociativa

Eisen Bernardo

7 – Abuso de Substância

Eisen Bernardo

8 – Transtorno Alimentar

Eisen Bernardo

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.