Estudiosos encontram 83 tumbas egípcias com detalhes raros

Estudiosos encontram 83 tumbas egípcias com detalhes raros

Último Vídeo

Segundo informado pelo Ministério de Antiguidades do Egito, uma equipe de arqueólogos descobriu, na província de Dakahlia, localizada não tão distante do Mar Mediterrâneo, 83 tumbas antigas onde quase todas são datadas da primeira metade do quarto milênio antes de Cristo. Curiosamente, os restos humanos não estavam enterrados nos sarcófagos, mas sim em caixões de argila, menores do que as dimensões do túmulo tradicional.

"83 túmulos foram descobertos na área das ruínas de Kom el-Khaljan, em Dakahlia"

As informações registradas pelos times de escavação indicaram que, das 83 tumbas encontradas, 80 são pertencentes à civilização de Bhutto, no Baixo Egito, originárias da primeira metade do ano 4.000 a.C. As três restantes têm relação com o período Naqada III, a última fase da cultura nacadana no Egito, que ocorreu durante 3.200 a 3.000 a.C. na era conhecida como proto-dinástica, transcorrendo entre o Neolítico Tardio e o início da dinastia dos faraós liderada pelo Rei Menés.

Em nota oficial do Ministério do Turismo do Egito, Mostafa Waziri, secretário geral do Conselho Supremo de Antiguidades esclareceu sobre a raridade da descoberta, onde os restos humanos não eram encontrados tradicionalmente nas sepulturas do período nacadano, posto que, durante essa mesma era, a elite egípcia era enterrada em túmulos de tijolos de barro ou caixões de madeira, enquanto os mais pobres estavam fadados a ser enterrados em covas rasas, segundo informações do University College London

"Arqueólogos revelaram "único de seu tipo" no Egito ..! A Missão Arqueológica Egípcia, afiliada ao Conselho Supremo de Antiguidades revelou 83 sepulturas durante escavações arqueológicas na região de Umm Al-Khilajan, província de Dakahlia, classificada como "única"." 

A descoberta das tumbas na província de Dakahlia revelou, para os estudiosos, que muito mais deverá ser encontrado durante as escavações nas tumbas locais, já que um alto contingente populacional foi revelado, através das pesquisas, caracterizando uma região habitada, anteriormente, por diversos grupos antigos. 

"Imagens da descoberta de 83 túmulos arqueológicos na área das ruínas de Kom el-Khalijan"

Dentro os artefatos encontrados, vale destacar a identificação de conchas de ostras, duas tigelas - uma retangular e uma circular - de kohl, um cosmético que os egípcios pintaram ao redor dos olhos e um prato de kohl, boa parte em bom estado de preservação, além de utensílios de pedra e amuletos.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.