Menino é alvo de racismo em sua página sobre livros no Instagram

Menino é alvo de racismo em sua página sobre livros no Instagram

Último Vídeo

O menino Adriel, de apenas 12 anos, foi alvo de comentários racistas por mensagens privadas em sua página sobre livros no Instagram. A mãe do garoto, que monitora o perfil, foi quem descobriu as injúrias e resolveu printá-las e também realizar sua exposição por meio dos stories, ferramenta de compartilhamento instantâneo da rede social. 

O garoto, residente de Salvador, na Bahia, mostra aos seus seguidores, desde abril de 2019, de forma descontraída, sua paixão pelos livros e também pela cultura geek.

(Instagram/Reprodução)(Instagram/Reprodução)

O internauta não identificado enviou a mensagem na quarta-feira (27). “Porco gordo. Eu achava que Preto era pra ta cavando mina nao lendo. Para de se trouxa e volta para a sua realidade seu merda. Você foi criado para ser preto e pobre”. 

Contudo, a mãe de Adriel respondeu as palavras do racista publicamente. “Em pleno século 21 pessoas ainda são racistas? Atualizem-se. Insultos acabam com psicológico de pessoas fracas, esses tipo de coisa não me abala em nenhum ponto. ALIÁS, tenho orgulho de ser negro”, compartilhou com seus seguidores.

Para completar a resposta, Adriel ainda o aconselha sobre os notáveis erros de português contidos na mensagem. "Aprende a escrever, cara. Isso não é um insulto, e sim, um conselho”, afirmou.

Repercussão do caso

Para incentivar o menino a continuar com o perfil literário no Instagram, diversas pessoas passaram a apoiá-lo com mensagens de afeto e perseverança, seja por mensagens diretas ou por comentários nas fotos disponíveis na página. Segundo a bio do perfil, Adriel é um normal que lê seus livros e faz resenhas sobre eles. Nesta bio, também está indicado que o menino é um admirador da cultura geek e nerd, além de ter seu perfil monitorado por familiares.



Antes do caso vir a público, o perfil tinha apenas 300 seguidores. Agora, o @livrosdodrii tem cerca de 412 mil seguidores, incluindo algumas editoras de livros brasileiras. A última publicação da página — uma resenha dos livros The Kiss of Deception (Mary E. Pearson) e O Pequeno Príncipe (Antoine de Saint-Exupéry) — já acumula mais de 100 mil curtidas e muitos comentários motivacionais.

Para agradecer o carinho dos novos fãs, Adriel postou uma série de vídeos pelos stories e também marcou os perfis que compartilharam sua história. “Tem várias pessoas me mandando mensagens de carinho, e são tantas, que eu nem tô conseguindo responder. Eu não achei que esse caso ia repercutir tanto. Eu prometo responder todos. Ainda existem pessoas que podem salvar esse mundo”, disse ele na rede social. Os agradecimentos estão fixados no perfil.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.