Efeito platô: como driblar uma das barreiras do emagrecimento

29/11/2011 às 16:232 min de leitura

Você já ouviu falar em efeito platô? Trata-se de um momento do processo de emagrecimento em que o corpo estaciona e qualquer esforço físico ou mudança na alimentação deixam de surtir efeito na balança.
Então, se você está seguindo corretamente sua dieta, mantendo a prática regular de atividades físicas e já conseguiu perder os quilinhos, mas, de repente parece que nada funciona, você pode está passando pelo efeito platô.

Estudos científicos mostram que o impedimento pode acontecer em qualquer momento durante o processo de emagrecimento. O mais comum é que o efeito ocorra quando estamos bem perto de alcançar o peso ideal – os últimos quilinhos que nos separam da medida perfeita são os mais difíceis de perder.

No entanto, nenhuma medida radical vai fazer com que o efeito passe de uma hora para outra. De nada adiante reduzir drasticamente as porções de alimento consumidas a cada refeição, pois durante a dieta o organismo está condicionado a receber as quantias certas de calorias e já fez a reserva de gorduras necessária para que tudo funcione corretamente. Sendo assim, apelar para dietas milagrosas não é a melhor saída.

Outra prática comum entre aquelas que desejam que os últimos quilinhos desapareçam rapidamente é malhar em dobro. O esforço extra não compensa, já que a perda de calorias a mais será mínima. Fazer exercícios além de sua rotina normal só vai sobrecarregar o organismo e causar ainda mais ansiedade.

O segredo para ter sucesso nessa fase do processo é ter paciência e ser persistente. Além disso, confira algumas dicas que podem ajudar você e manter o foco e a disciplina para alcançar seus resultados:

  1. Não desista! Mesmo que os resultados demorem a aparecer, mantenha pensamentos positivos para manter a dieta e os exercícios em dia e não abrir mão de alcançar seu peso ideal. Assim você estará sempre perdendo peso, mesmo que seja aos pouquinhos.
  2. Siga com sua dieta normalmente. Nessa parte do processo, diminuir as porções ou para de comer são atitudes que podem trazer mais malefícios do que vantagens. Prefira fazer trocas saudáveis entre os alimentos que você já consome.

  3. Esqueça a balança por alguns dias. Os resultados não vão aparecer em 24 horas, então se pesar frequentemente só vai aumentar seu nervosismo e ansiedade, podendo até diminuir sua autoestima e prejudicar a dieta. Passe a se pesar semanalmente e lembre-se que os ponteiros da balança não tem a capacidade de mostrar se você perdeu peso ou ganhou massa muscular.
  4. Se você realmente quiser acompanhar mais de perto as mudanças no seu corpo, prefira tirar suas medidas com uma fita métrica. Muitas vezes nosso peso se mantém o mesmo, mas sua cintura, quadris e coxas podem estar mais finos e a balança não mostrará essas alterações.
  5. Não cobre do seu corpo mais do que sua capacidade normal. Ficar uma hora a mais na academia todos os dias ou correr três vezes mais do que está acostumada não vai fazer com que os ponteiros da balança diminuam. Em vez de impor dificuldades para si mesma, crie desafios que possam ser superados no seu treino. Converse seu professor e estabeleça metas reais para alcançar semanalmente.

Fonte
Imagem

Últimas novidades em Saúde/bem-estar

NOSSOS SITES

  • TecMundo
  • TecMundo
  • TecMundo
  • TecMundo
  • Logo Mega Curioso
  • Logo Baixaki
  • Logo Click Jogos
  • Logo TecMundo

Pesquisas anteriores: