Qual o babyliss certo para o seu cabelo?

13/07/2012 às 11:194 min de leitura

Cachos no SPFW: Herchcovitch e Paula Raia. Fonte: Agência Fotosite

O São Paulo Fashion Week apostou em uma tendência de beleza que promete fazer sucesso no verão: os cabelos encaracolados e ondulados ganharam espaço na passarela, tornando o visual mais democrático. Será possível ousar com cachos definidos e bastante volume, como no desfile de Herchcovitch, ou abusar do ondulado elegante, que foi a aposta da Paula Raia para o calor.

Independente do estilo que você escolha, o babyliss será um item indispensável para ter no nécessaire para modelar os cachos. Porém, entre tantos modelos do aparelho que estão disponíveis no mercado, nem sempre é fácil escolher qual é o mais adequado para os seus fios.

A dica do cabeleireiro do salão Lady & Lord de Curitiba, Ralph Hallilovick, é levar em consideração qual o efeito que você deseja conquistar com o modelador. Vale ainda prestar atenção ao comprimento do fio e com qual frequência você pretende usá-lo. Segundo ele, se a intenção é fazer cachos com frequência, é preciso investir em versões com mais recursos, que protejam os fios.

Assim, o diâmetro e a lista de vantagens que o babyliss apresenta (como superfície de cerâmica e emissão de íons negativos) são fatores que podem determinar a escolha do aparelho. Para acertar na hora da compra, confira as dicas a seguir e prepare os cabelos para a tendência.

O que o modelador deve ter

Michelle Pfeiffer e Christina Hendricks. Fonte: Getty Images

Com a evolução da indústria da beleza, os modeladores de cachos estão agregando cada vez mais funções, que vão além de simplesmente ondular o cabelo. O babyliss hoje pode tratar os fios, contribuir para uma aparência perfeita e evitar o acúmulo de fungos e bactérias.

Para que você possa investir nos cachos em qualquer lugar, a dica é comprar um babyliss bivolt, que se adéqua às duas diferentes voltagens elétricas e poderá ser usado também em viagens. E se a intenção é usar o aparelho com frequência, vale investir em outras características.

Um exemplo é o controle de temperatura. O hairstylist Ralph ressalta que há alguns anos essa tecnologia não existia, mas que ela é fundamental. Isso porque se o modelador estiver muito quente ou ficar tempo demais aquecendo a mecha, a tendência é que o fio perca água, ficando desestruturado. O calor em excesso acaba prejudicando a aparência, pois o cabelo não ficará tão bonito após a formação do cacho.

Outra função interessante que alguns aparelhos agregam é a emissão de íons negativos. Segundo o cabeleireiro, ela combate o frizz, evitando o efeito de “cabelo elétrico”, combate o ressecamento e ainda ajuda a manter a água nas mechas, para que os fios não fiquem desestruturados e com a aparência comprometida.

Cachos menos definidos de Emilia Clarke e Malin Ackerman. Fonte: Getty Images

Para o uso frequente, vale também investir em um babyliss que ofereça emissão de ondas vermelhas, que em geral estão presentes nas versões mais modernas. Segundo Ralph, elas deixam o cabelo mais maleável e hidratado após a formação dos cachos, modelando e tratando ao mesmo tempo. Outra vantagem é que não será preciso usar o spray de fixação após o uso, um dos fatores que danificam os fios.

Em relação ao material de que é feito o aparelho, é possível escolher de acordo com as suas preferências. A cerâmica é indicada como uma boa opção por vários profissionais por esquentar uniformemente, distribuindo o calor por toda a extensão do babyliss. Porém, Ralph lembra que há maior risco de você acabar se queimando, porque ela fica mais quente.

Assim você pode optar pela turmalina, que é mais prática nesse sentido, ou pelo titânio, que promete selar as cutículas dos fios, dando origem a cachos mais saudáveis e brilhantes.

Alguns modelos também vêm com presilhas, sendo possível prender as mechas para modelar os fios. Para o hair stylist, esse fator vai depender do gosto da consumidora e de como ela se adéqua ao funcionamento do aparelho. Assim, se você precisa de uma ajudinha para enrolar o cabelo, vale apostar nessas versões.

Babyliss para cabelos médios ou longos

Rihanna e Zooey Deschanel. Fonte: Getty Images

Quem possui cabelos com comprimento a partir dos ombros tem mais opções de babyliss para escolher na hora da compra, pois tantos os finos quantos os grossos podem atender às suas necessidades. Nesse caso, o cabelereiro do Lady & Lord indica levar em consideração qual o efeito que você deseja ter: cachos bem definidos e muito volume ou o ondulado charmoso, aposta de celebridades em red carpets.

Para os cachos mais finos e definidos, a dica é adquirir os modeladores mais finos. Basta separar o cabelo em mechas menores e modelar, sem pentear depois. Porém, aquelas que querem o cabelo no estilo Gisele Bündchen, com ondas, o babyliss mais grosso é mais indicado, pois garante mais movimento ao visual.

Já aquelas que buscam o meio termo, em que os cachos não fiquem ondulados nem muito definidos, a dica é preferir os aparelhos com diâmetro médio.

Babyliss para cabelos curtos

Emma Stone e Katy Perry. Fonte: Getty Images

Aquelas que aderiram aos fios curtos não terão muita escolha, já que o babyliss fino é o único que conseguirá enrolar toda a extensão dos fios. Ralph explica que, nesses cabelos, o modelador mais grosso não faz o efeito desejado e as mechas ficam como se tivessem sido escovadas para fora. Nesse caso, a opção é abusar dos cachos definidos com aparelhos mais finos.

Porém, quem prefere o ondulado também pode conseguir esse efeito mesmo com a versão de diâmetro menor. Para tanto, o hair stylist explica que é preciso modelar os fios com os cachos definidos e depois pentear para que eles se transformem em ondas charmosas.

Como aplicar o babyliss

Jéssica Alba e Jaime King. Fonte: Getty Images

Depois de comprar o modelo ideal, é preciso usar o babyliss da maneira correta para conquistar os cachos perfeitos. Antes de começar a modelar as mechas, Ralph aconselha passar uma pomada específica que proteja os fios. Ela também tem a vantagem de ajudar na durabilidade do penteado, fazendo com que os cachos fiquem em ordem por mais tempo.

Em seguida, como explica o hair stylist, divida o cabelo em duas partes. Comece a modelagem de cima para baixo, separando as mechas de acordo com o seu gosto e usando o babyliss em pé, para que o cacho já fique pronto depois de modelado. Prenda então com um grampo, para que o fio conquiste a forma desejada enquanto você termina o restante do cabelo. Depois solte e não penteie (a não ser que você queira tirar a definição dos cachos e ondas).

Por fim, o cabeleireiro aconselha não usar sprays de fixação, pois eles também desidratam o cabelo, danificando a aparência. Recorra a esses produtos apenas em ocasiões raras, preferindo os de média fixação, e aposte em uma hidratação nos dias seguintes ao uso.

Agora, é só abusar da tendência dos ondulados para o verão.

Fonte
Imagem

Últimas novidades em Saúde/bem-estar

NOSSOS SITES

  • TecMundo
  • TecMundo
  • TecMundo
  • TecMundo
  • Logo Mega Curioso
  • Logo Baixaki
  • Logo Click Jogos
  • Logo TecMundo

Pesquisas anteriores: