Ataque dos clones: conheça a cachorrinha que já foi copiada 49 vezes
01
Compartilhamento

Ataque dos clones: conheça a cachorrinha que já foi copiada 49 vezes

Último Vídeo

Quando a ovelha Dolly foi clonada, em julho de 1996, muito se especulou sobre o futuro da biogenética na recriação de animais domésticos. Ela abriu as portas para termos animais de estimação idênticos geneticamente a algum que já tenha morrido, por exemplo. Nessas duas décadas, vários outros animais foram clonados, mas nenhum como Miracle Milly – ou “Milly Milagrosa”, em tradução livre.

Milly tem nada menos do que 49 clones idênticos a ela, ganhando um lugar no Guinness Book como o cachorro mais clonado do mundo! E se você pensa que o “milagre” de seu nome é por conta dos clones, você está errado: na verdade, os clones são por causa do milagre de sua existência, já que Milly também está no Guinness como o menor cachorro do mundo!

Por conta dessa façanha, a Sooam Biotech Research Foundation, com sede na Coreia do Sul, que vem clonando animais de estimação desde 2006, resolveu replicar a pequena Milly para estudar seu mapa genético. As primeiras cópias da chihuahua nasceram em agosto de 2017, e atualmente já existem 49 clones bem-sucedidos.

clonesJá pensou ter 13 animais idênticos geneticamente?

A técnica usada para a clonagem é a mesma da ovelha Dolly: transferência nuclear. Nela, células do animal a ser clonado são colhidas e têm seu núcleo retirado. Depois, uma célula-ovo é obtida de outro doador e tem seu núcleo substituído pelo do animal a ser clonado. A primeira ninhada de 12 clones acabou ficando com a dona de Miracle Milly, que as batizou de Molly, Mally, Melly, Mully, Mumu, Mila, Mary, Mimi, Moni, Mini, Mela e Mulan.

A clonagem é uma técnica cara, mas a família Semler, que mora na Flórida, não gastou nada: o instituto sul-coreano queriam estudar o material genética de Milly para entender como ela pode ser tão pequenina. Segundo Vanessa Semler, as 12 cópias de suas cachorrinha que vivem com ela possuem aparência e personalidade idênticas, apenas o tamanho varia de cão para cão.

clonesVanessa Semler segura alguns dos clones de Milly

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.