SpaceX, empresa de Elon Musk, lançará 60 satélites na quarta-feira

SpaceX, empresa de Elon Musk, lançará 60 satélites na quarta-feira

Último Vídeo

ATUALIZAÇÃO: A decolagem, marcada originalmente para a terça-feira (28), foi novamente adiada para a quarta-feira (29) às 11h09 no Horário de Brasília.

.....

TEXTO ORIGINAL: Elon Musk, dono da SpaceX, já lançou mais de 100 satélites como parte do seu projeto Starlink. Em breve, espera-se que os lançamentos se acumulem em uma megaconstelação com os novos satélites que estão previstos para chegar ao espaço.

O novo feito da SpaceX acontecerá na Flórida, Estados Unidos, e será transmitida ao vivo pelo canal da própria empresa no YouTube para que todos ao redor do mundo possam acompanhar. A transmissão está marcada para acontecer no dia 28 de janeiro, terça-feira, às 11h30 no Brasil.

Objetivo da SpaceX

Com esses lançamentos massivos de satélites, a empresa de Musk pretende formar uma constelação mecânica no espaço para providenciar internet de qualidade para os lugares em que ela é muito cara ou simplesmente indisponível. Os novos 60 satélites devem se unir aos 182 que já foram lançados previamente com sucesso.

Segundo dados fornecidos pela equipe da SpaceX, são necessários, no mínimo, 400 satélites para promover uma baixa cobertura de internet banda larga e ao menos 800 para cobrir um status moderado de cobertura. Dito isso, o processo de lançamento de novos satélites deve continuar ao longo dos meses.

(Fonte: Space/Reprodução)
(Fonte: Space/Reprodução)

O futuro da internet acessível

Gwynne Shotwell, presidente e chefe de operações da SpaceX, estipulou que os serviços de internet da Starlink podem estar disponíveis em partes dos Estados Unidos e Canadá em breve, após mais alguns lançamentos de satélites. Em escala mundial, a estimativa é de mais 24 lançamentos.

Shotwell disse que a cobertura pode começar ainda esse ano, mas a SpaceX ainda não confirmou nada sobre datas de funcionamento ou preços do serviço.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.