A beleza e a fofura das raposas em fotos incríveis

A beleza e a fofura das raposas em fotos incríveis

Último Vídeo

Para quem gosta de fofuras durante o interminável isolamento social, o site Bored Panda resolveu fazer uma seleção com as melhores fotos de raposas. Fofas, manhosas, folgadas, as raposas não cansam de surpreender a todas que convivem com elas. Passando mais tempo em casa, cada vez mais pessoas do hemisfério norte descobrem esse encanto.

Os entrevistados disseram que, embora cães e gatos sejam realmente o máximo, o fato é que as raposas possuem um "sei lá o quê" que faz toda a diferença. Enquanto cães, por exemplo, se esforçam para agradar, as raposas não estão nem aí para os... Não dá nem pra dizer donos porque elas não se submetem.

O objetivo aqui é curtir poses e momentos "raposódicos" que inspiram, agradam e divertem. É também um convite aos leitores para que naveguem pelas fotos, marquem as suas favoritas, compartilhem e comentem. E, quem sabe, lancem um olhar especial para nossa raposa-brasileira, a jaguapitanga, presente em vários estados do Brasil. 

Ah, e não se esqueçam de informar qual o nome do som que esses bichos produzem, ou seja: o que é que as raposas falam? Podem usar, para pesquisa, o vídeo da dupla norueguesa Ylvis.

Compreendendo as raposas

Fonte: maxadrums/InstagramFonte: maxadrums/Instagram

Para aprender mais sobre as raposas, o Bored Panda contactou o site britânico Help Wildlife, onde um grupo de voluntários se dedica a orientar o público sobre que atitudes tomar quando confrontado com um animal selvagem que possa estar numa situação de ameaça ou ferido, e necessitando ser ajudado.

Para Sarah, a fundadora do grupo, as raposas tem um nível de inteligência parecido com os cães e, embora normalmente associadas à esperteza, não são assim tão astutas como se pensa. "Elas são muito divertidas e podem ser vistas brincando com objetos aleatórios da mesma forma que cachorrinhos brincam com seus brinquedos", diz ela.

Role a tela para ver o resto da entrevista, e também uns tuítes superlegais.

A raposa que eu plantei no ano passado está crescendo que é uma beleza

Fonte: Helen Dale/Tweeter-ReproduçãoFonte: Helen Dale/Tweeter-Reprodução

Num crush com essa criatura iluminada

Fonte: cyyclist/TweeterFonte: cyyclist/Tweeter

Filhotes de raposa na farra

Fonte: Philipe Wang/Tweeter-ReproduçãoFonte: Philipe Wang/Tweeter-Reprodução

Dicas sobre raposas

Fonte: Hoyden Caulfield/Tweeter - ReproduçãoFonte: Hoyden Caulfield/Tweeter - Reprodução

Quem quiser demonstrar um vasto conhecimento sobre as Pseudalopexes, que é o nome do gênero das raposa na América do Sul, já pode começar dizendo para os amigos assim que avistar um grupo de raposas: "Cuidado, essas raposas estão armando uma tocaia pra gente!". Na verdade, isso é uma mentira porque raposas caçam sozinhas. Mas impressiona.

Os bigodes das raposas são aqueles pelinhos charmosos que todo mundo conhece. Porém, o que pouca gente sabe é que elas também têm bigodes nas pernas! Isso mesmo. E elas os utilizam para "navegar", procurando caminhos na grama alta.

Fox Xtreme Sono

Fonte: Danjjs/TweeterFonte: Danjjs/Tweeter

Duas mudinhas (elas não falam)

Fonte: |Llandryn/Tweeter - ReproduçãoFonte: |Llandryn/Tweeter - Reprodução

Outra curiosidade à parte são as caudas das raposas. Elas não são apenas lindas de se mostrar e postar no Twitter. Os rabos das raposas são equipamentos multifuncionais que as ajudam a manter o equilíbrio quando estão caçando. 

E não é só isso! As caudas das raposas são também elementos pelos quais elas se comunicam entre si. Embora a gente não consiga ainda traduzir movimentos de rabo no Google Tradutor, é possível que elas se cumprimentem tipo "abanando o rabo".  E os rabos ainda funcionam como cobertores nas noites de frio. Muito chique!

Ah, o som que as raposas fazem se chama "regougar".

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.