Cientistas plantam semente de 32 mil anos com ajuda de esquilos

Cientistas plantam semente de 32 mil anos com ajuda de esquilos

Último Vídeo

Quanto tempo pode viver uma planta? Bom, as sequoias gigantes podem chegar aos três ou cinco mil anos, estando entre os seres vivos que vivem por mais tempo, no mundo. O que dizer, então, dessa pequena flor, que cresceu a partir de sementes com mais de 30 mil anos de idade? Mas calma, que a história fica ainda mais interessante: as sementes só foram descobertas graças a esquilos

Não que os esquilos tenham plantado as sementes, nem nada disso... Explicando tudo por partes, o que aconteceu foi o seguinte: cientistas russos estavam estudando as tocas de esquilos que vivem na Sibéria quando encontraram sementes congeladas no permafrost (solo permanentemente congelado). 

Cientistas austríacos estão estudando a planta de 32 mil anos (Fonte: Bored Panda/Reprodução)Cientistas austríacos estão estudando a planta de 32 mil anos (Fonte: Bored Panda/Reprodução)

Eles ficaram surpresos quando a planta — da espécie Silene stenophylla, uma flor que ainda existe e é relativamente comum nessa região —, totalmente funcional e saudável, cresceu a partir das sementes encontradas.

Isso fez com que especialistas em biotecnologia na Áustria resolvessem estudar essa planta e entender como suas sementes sobreviveram por tanto tempo no gelo. Segundo eles, isso pode gerar descobertas importantes sobre a sobrevivência das plantas, em geral, especialmente no contexto de mudanças climáticas que vivemos.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.