Aeronave soviética gigantesca está enferrujando no mar Cáspio

Aeronave soviética gigantesca está enferrujando no mar Cáspio

Último Vídeo

Construído para proteger o território marítimo da União Soviética durante a Guerra Fria, o gigantesco ecranoplano MD-160 tem sofrido com o abandono e as ações do tempo. O modelo, uma mistura de avião e barco, está encalhado e enferrujando em uma praia do litoral russo, para onde foi levado no último mês de julho.

Apelidada pelo serviço de inteligência americano (CIA) de Caspian Sea Monster, ou “Monstro do Mar Cáspio”, em tradução livre, a aeronave experimental fez parte de um programa soviético cujo objetivo era desenvolver modelos que voassem a baixa altitude, para enfrentar os porta-aviões norte-americanos.

Lançado na década de 1980, o ecranoplano possui 73 metros de comprimento, 44 metros de envergadura e peso máximo de decolagem em torno de 500 toneladas. Ele conta com 10 motores e podia se aproximar muito superfície aquática, indo a até 4 metros acima do nível do mar, no máximo.

(Fonte: Vitaly Raskalov/Instagram)
(Fonte: Vitaly Raskalov/Instagram)

Voando em baixas altitudes, a uma velocidade máxima de até 500 km/h, o modelo de classe Lun MD-160 dificilmente era detectado pelos radares inimigos. Dessa forma, conseguia lançar seus mísseis supersônicos bem perto do alvo, com enorme precisão.

De arma de guerra a atração turística

Desenvolvido pelo engenheiro naval soviético Alexeev Rostislav Evgenievich, o veículo com características peculiares foi utilizado pelas forças armadas da União Soviética e da Rússia, entre 1987 e o início dos anos 1990.

Desde a sua aposentadoria, algum tempo depois do fim da Guerra Fria, o ecranoplano ficou abandonado em uma base naval no Daguestão, república da Federação Russa. Em julho, ele foi rebocado para a região litorânea de Derbent, perto da base militar.

(Fonte: Vitaly Raskalov/Instagram)
(Fonte: Vitaly Raskalov/Instagram)

A ideia das autoridades russas é usar o Monstro do Mar Cáspio como atração principal de um parque temático militar, que ainda será construído e também terá veículos blindados e helicópteros. Mas enquanto aguarda a inauguração do local, sem previsão, a aeronave parece ter sido abandonada novamente.

Há diversos relatos de moradores sobre as péssimas condições do ecranoplano, incluindo danos no casco, ferrugem e buracos. Algumas pessoas temem que ele seja totalmente saqueado antes de virar atração turística, apesar da promessa da prefeitura de Derbent, de rebocá-lo para terra firme e fazer todos os reparos, antes da abertura do novo local.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.