Você já deve ter ouvido falar que algumas mulheres costumam comer bem pouquinho quando saem com seus pretendentes, não é mesmo? Pois, um estudo conduzido por pesquisadores da Universidade Cornell, nos EUA, apontou que não é que elas comam menos. Na verdade, pelo menos quando se trata de pizza, são os homens que comem mais — muito mais!

De acordo com Christina Cauterucci, do portal Slate, a pesquisa envolveu a participação de 105 adultos — de ambos os sexos e com idades entre 18 e 81 anos — que foram monitorados durante duas semanas enquanto almoçavam em uma pizzaria com sistema de buffet livre. Hum...

Apetite reforçado

Durante o experimento, os cientistas constataram que os homens que faziam suas refeições com ao menos uma mulher no grupo chegavam a comer até 93% mais do que os que saboreavam suas pizzas com outros rapazes. E o interessante é que o aumento na quantidade não se limitou apenas às massas, já que os pesquisadores também notaram que os moços comiam até 86% mais salada quando na companhia das moças.

O mais curioso é que, desafiando a crença de que as mulheres comem menos quando estão na companhia dos homens, os pesquisadores não perceberam alterações nos hábitos alimentares das moças durante o experimento. No entanto, após as refeições, as jovens que haviam almoçado na companhia de rapazes eram mais propensas a relatar que se sentiam mais cheias do que o normal.  

Demonstração de poder

Ao contrário do que muita gente pode pensar — que os homens comem mais porque as mulheres mantêm as bocas ocupadas falando sem parar durante as refeições —, esse peculiar comportamento masculino pode ser explicado graças à psicologia evolutiva. Segundo os pesquisadores que conduziram o estudo, os seres humanos desenvolveram uma tendência de se exibir na frente dos demais.

Conforme explicaram, essas demonstrações, apesar de serem inconscientes, podem ter como objetivo mostrar dominância ou atrair possíveis pretendentes. No caso das refeições, um estudo anterior apontou que os homens dão mordidas maiores e mastigam os alimentos com mais vigor do que as mulheres, e também existe uma pesquisa que revelou que os rapazes comem alimentos apimentados como forma de se exibir.

Além disso, os cientistas acreditam que existe uma relação entre a quantidade de comida “devorada” e a necessidade de provar a masculinidade. De qualquer maneira, o estudo revelou que as companhias podem afetar os hábitos alimentares das pessoas, seja influenciando o volume ingerido (no caso dos homens) ou a percepção do quanto realmente foi consumido (no caso das mulheres).

*Publicado em 24/11/2015