Menos é mais

Menos é mais

Equipe MegaCurioso

Quem disse que um punhado de dinheiro vale mais que uma boa gargalhada está completamente equivocado. Para aqueles que duvidam, uma pesquisa realizada na Nova Zelândia revelou que as melhores coisas da vida são as mais simples e não custam nada.

O estudo foi desenvolvido pela empresa produtora de alimentos Apples com a participação de 2 mil pessoas. Elas deveriam apontar quais eram os maiores prazeres que desfrutavam no dia a dia.

O ato de rir conquistou o primeiro lugar, com 22% de votos, seguido por degustar uma boa refeição na companhia de grandes amigos, com 21%. O abraço ficou com o terceiro lugar, conquistando 19% da preferência dos participantes.

A pesquisa revelou ainda a lista dos dez prazeres mais citados pelos entrevistados. Sentir o sol bater no rosto, ler um bom livro, dar um passeio na praia e deitar em uma cama com lençóis limpos fazem parte do ranking. Foram citados ainda assistir ao pôr-do-sol, olhar fotografias antigas e memórias e sentir o cheiro da grama recém-cortada.

A pesquisa é um alerta para aqueles que deixam de lado os prazeres simples para conseguir uma promoção, um aumento de salário ou um carro novo. A felicidade pode estar em coisas cotidianas – e bem mais baratas.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.