Em 1998, este bebê foi enterrado vivo – veja como ele está hoje em dia
01
Compartilhamento

Em 1998, este bebê foi enterrado vivo – veja como ele está hoje em dia

Último Vídeo

Azita Milanian, uma cidadã norte-americana nascida no Irã, acabou se tornando uma heroína por acaso: em 1998, durante uma corrida com seus cães, na cidade de Altadena, na Califórnia (EUA), ela teve sua atenção desviada da pista de exercícios quando um de seus pets notou que havia algo de estranho por ali. Era um sábado à noite, e a mulher tinha cancelado uma festa para poder se exercitar. Com o aviso do cão, ela foi conferir o que era e notou um pequenino pé escapando de uma cova rosa. Tratava-se de um recém-nascido que tinha sido enterrado vivo!

Imediatamente, ela ligou para a polícia, mas não conseguiu completar a ligação. Azita viu um motorista ali por perto, relatou o ocorrido e o cara foi até a delegacia mais próxima, que enviou uma viatura para atender o caso. Enquanto isso, a mulher segurou o bebê em seu colo e ficou à espera do resgate. O menininho ainda estava com o cordão umbilical e se agarrou à sua salvadora, conseguindo, assim, controlar o choro.

Mesmo tendo sido enterrado vivo, o rapazinho conseguiu lutar por sua vida e sobreviveu. Após entregá-lo para as autoridades, Azita perdeu o contato. No hospital, ele foi chamado de “Baby Christian”, por conta do milagre de ter resistido, e sua história acabou rodando o país, com ele recebendo presentes de vários lugares.

bebeAzita Milanian, em foto no final dos anos 90, e Baby Christian: seus caminhos se cruzaram em 16 de maio de 1998

Reencontro emocionante

A heroína de Baby Christian chegou a visitá-lo no hospital, mas dada a repercussão nacional do caso na época, ela resolveu não adotá-lo. Azita tinha medo que a exposição fizesse com que a mãe biológica voltasse para tentar recuperar o garoto e isso se transformasse em mais um trauma em sua vida.

No fim das contas, o trauma não deixou de acontecer. Durante duas décadas, Azita se perguntou o que teria acontecido ao bebê que ela resgatara. Em que tipo de pessoa ele se tornara e onde ele teria ido morar. Baby Christian foi colocado para adoção, recebeu o nome oficial de Matthew Christian Whitaker e não soube da sua verdadeira história até recentemente.

Baby ChristianMatthew Christian Whitaker conhece o local em que foi encontrado enterrado em uma cova rasa

Após uma madrinha contar a história de Matthew para uma rádio local, o pessoal resolveu investigar a origem do rapaz e chegou novamente a Azita. A mulher ficou emocionadíssima e prontamente topou o reencontro, que foi extremamente emocionante. Os dois se viram novamente em 16 de maio de 2018 – exatamente no dia do aniversário de Matthew e no aniversário de 20 anos em que a história dele com Azita se cruzou pela primeira vez.

Matthew estudou em escolas de Santa Monica e El Camino e agora pretende ingressar na faculdade de jornalismo da Universidade do Arizona. Ele não mantém mágoas de sua mãe biológica, já que ele acha que ela fez o que sentiu que seria melhor no momento e pode ter se arrependido disso. Ele só ficou emocionado ao passar pelo lugar onde Azita o encontrou: “Aqui poderia ter sido o meu túmulo”, comentou emocionado.

reencontroReencontro emocionante foi promovido por uma rádio

***

Sabia que fãs de filmes e séries agora estão no Clube Minha Série? Neste espaço, você também pode escrever e encontrar outros especialistas sobre seus programas favoritos! Acesse aqui e participe.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.