Conheça 10 fascinantes cavernas em vários lugares do mundo
262
Compartilhamentos

Conheça 10 fascinantes cavernas em vários lugares do mundo

Último Vídeo

Afinal, você sabe o que é uma caverna? Trata-se de uma abertura ocasionada por diversos motivos em alguma formação rochosa que permite a circulação de pessoas e animais. Mas, muito mais do que isso, as grutas — como também são conhecidas — costumam esconder belezas que ficam para sempre na memória de quem tem o privilégio de observar.

Esses acessos costumam se tornar pontos turísticos muito movimentados de diversos lugares do mundo, procurados por pessoas que querem ter contato com a natureza a com as belezas que ela pode proporcionar. Separamos uma lista com 10 cavernas maravilhosas, uma em cada país, para que você conheça um pouco o que se esconde dentro delas.

Teminina, Brasil

É claro que o Brasil não poderia faltar nessa lista, chegando logo em primeiro lugar. Nossa terrinha tem tantas belezas naturais e cavernas maravilhosas que impressiona. Foi difícil escolher só uma para aparecer nesse ranking, mas optamos pela Teminina, um verdadeiro santuário ecológico que enche os olhos diante de tanta magnitude.

Para chegar até lá, o visitante precisa enfrentar uma trilha que dura aproximadamente duas horas, mas, com certeza, vale a pena. A gruta recebe esse nome porque é cortada pelo Rio Teminina, é cheia de aberturas no teto e possui a extensão de 200 metros. Quem tem o privilégio de visitar o lugar, indica e quer voltar sempre.

Cenote dos Ojos, México

Maravilhosa e cheia de belezas que a torna única, a caverna Cenote dos Ojos está localizada no México. As águas cristalinas que cercam o lugar são um verdadeiro chamariz para pessoas que gostam de mergulhar e o local costuma receber visitantes do mundo inteiro para um espetáculo que só ele sabe proporcionar.

Enquanto o mergulhador explora o local, ele é rodeado de peixes coloridos que fazem tudo valer a pena. Com certeza, os 61 km de túneis e grutas fazem parte da imaginação de todo mundo que gosta de natureza. Se você é uma delas, Cenote dos Ojos deve fazer parte do seu roteiro de possíveis viagens.

Postojna, Eslovênia

Quer conhecer um lugar diferente e ficou se perguntando o que teria na Eslovênia? As cavernas de Postojna são exatamente o que você deve visitar nesse país, sendo uma das principais atrações do lugar. Pessoas de todos os cantos do mundo costumam visitar o local e deixam sua assinatura em um livro disponível por lá.

São 21 km de caverna, mas somente 5 km podem ser percorridos, sendo que 3,7 km desse percurso precisam, necessariamente, ser feito de trenzinho. As formações rochosas, estalactites e estalagmites de todos os formatos e cores ganham o coração do turista e até mesmo das pessoas que trabalham no lugar, uma beleza que não cansamos de observar.

Cueva del Fantasma, Venezuela

A Cueva del Fantasma (ou Caverna do Fantasma) é tão grande que dois helicópteros poderiam pousar confortavelmente em seu interior sem ter qualquer tipo de colisão. Segundo especialistas, não se trata de uma caverna propriamente dita, mas sim de um íngreme desfiladeiro repleto de belezas naturais.

Uma cachoeira maravilhosa dá as boas-vindas aos turistas e uma grande diversidade de animais habita o lugar. Inclusive, uma nova espécie de sapo foi descoberta recentemente na caverna. Espécies raras dos mais diferentes tipos de bichos faz com que o local seja tão desejado e, ao mesmo tempo, tão temido.

Jeita, Líbano

Um lugar mágico, encantador e fascinante: assim pode ser descrita a caverna de Jeita, localizada no Líbano. Diferente das outras cavernas, essa possui uma característica única: ela é dividida em dois níveis totalmente diferentes, mas com belezas ímpares, que dificilmente você pode encontrar em qualquer parte do mundo.

No nível superior, existe uma estalactite com 8,20 metros de altura, conhecida como a Torre de Pisa. Já na parte inferior, você pode fazer um passeio de barco através de um rio subterrâneo. Apenas 500 dos 6.200 metros podem ser explorados, mas os cenários fazem qualquer pessoa ficar de queixo caído.

Caverna Azul, Croácia

A Caverna Azul (também conhecida como Gruta Azul) está localizada no mar da Croácia, mais especificamente na pequena baía de Balun. Ela se tornou um dos pontos mais procurados no país e turistas de várias partes do mundo procuram o lugar que costuma encantar pessoas por causa de sua beleza natural.

O que mais impressiona é a luz azul (em uma tonalidade bem forte) que aparece em determinados momentos do dia dentro da caverna. São nesses horários que o movimento costuma aumentar. Como não poderia deixar de ser, ela é patrimônio da humanidade e só existe outra igual a essa, localizada em Capri, na Itália.

Fantastic Cave Pit, Estados Unidos

Mais uma caverna que, na verdade, não é uma caverna, e sim uma furna — a maior existente nos Estados Unidos continental — que possui aproximadamente 180 metros de profundidade. É tão funda que causa vertigem até mesmo na pessoa mais destemida que você possa conhecer. Mas, com certeza, sua formação e beleza são excepcionais.

Quando uma pedra é jogada lá de cima da caverna, ela costuma demorar mais ou menos oito segundo até que atinja o fundo do lugar. Essa furna com certeza deve habitar os desejos mais profundos de pessoas que adoram esportes radicais, apesar de o esporte não ser recomendado por se tratar de um local de tão difícil acesso.

Cavernas de Waitomo, Nova Zelândia

Nas Cavernas de Waitomo, você vai poder admirar uma infinidade de estalactites e estalagmites dos mais diferentes formatos e cores, em uma beleza difícil de ser explicada. Mas o que realmente rouba a cena aqui e, com certeza, vai roubar o seu coração e a sua admiração é o imenso "céu estrelado" que habita o lugar.

Trata-se de pequenas larvas — chamadas glow worms — que brilham para atrair insetos que servem de alimentos. Elas ficam no teto e dão a impressão de serem milhares de estrelas na escuridão da noite. A caverna conta com 45 km de extensão e diversas formações de calcário podem ser observadas com a claridade.

Jenolan, Austrália

Beleza de fazer cair o queixo é o que mais pode ser encontrada nas cavernas de Jenolan, na Austrália. Elas estão localizadas a 175 quilômetros a oeste de Sydney e são as formações de calcário que mais recebem visitas no país. São turistas do mundo inteiro que buscam pelas maravilhas que o lugar pode proporcionar.

Na verdade, trata-se de uma rede de cavernas muito grande, com mais de 40 km de distância, incluindo diversas passagens. O lugar ainda está sendo explorado, portanto, muito mais ainda está por vir. De qualquer forma, os acessos bem iluminados criam um clima totalmente diferente que ganha o coração de todos que fazem a visita.

Caverna de Gelo, Rússia

Essa caverna está localizada na parte oriental da Rússia e possui quase um quilômetro de extensão. Por estar do lado de um vulcão (Mutnovsky), a região apresenta forte atividade sísmica e vulcânica. As paredes do local adquirem uma formação muito diferente, resultado de águas quentes em contato com a parede de gelo.

No verão, algumas partes congeladas da caverna se derretem e, assim, são formadas as estalactites e estalagmites que podem ser presenciadas em seu interior. Em 1997, o lugar foi classificado como um dos patrimônios naturais da humanidade em função de seus montes, lagos, rios e praias. É de encher os olhos.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.