5 sinais de que o fim do mundo está mais próximo do que pensamos

5 sinais de que o fim do mundo está mais próximo do que pensamos

Último Vídeo

Na última terça-feira (23), a dor e a inquietude pelo isolamento a que estão relegados em virtude da maior pandemia que já afligiu o planeta Terra fez com que muitos internautas entrassem em êxtase, da mesma forma que o apóstolo João no Apocalipse. Correndo para as redes sociais, numa comunhão de corações e mentes, postaram: "o mundo está acabando". 

Certamente, muitas das notícias dos telejornais de ontem ajudaram a reforçar a percepção de que alguma coisa muito incomum, embora natural, esteja em curso. Vamos analisar juntos alguns sinais que deveriam merecer a atenção de todos.

2. Clamores, relâmpagos e terremotos (México)

aFonte: EPA/Reprodução

Nesta fatídica terça-feira (23), um abalo sísmico de magnitude 7,5 na escala Richter atingiu o estado de Oaxaca no México. O fenômeno, um dos mais temidos pelos habitantes da América do Norte, matou seis pessoas e se espalhou pelo país, através de cerca de 140 tremores secundários.

No entanto, mais do que os efeitos imediatos causados pelo terremoto, o que está assustando as populações norte-americanas é que a ocorrência foi considerada pelos cientistas como um “sinal”. Segundo eles, de grandes tsunamis que poderiam surgir nas Américas do Norte e Central, e em países do sul como o Equador e o Peru.

Anterior                                                  Próximo

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.