Ritual da morte: que coisa mais sinistra é essa acontecendo na imagem?
1.053
Compartilhamentos

Ritual da morte: que coisa mais sinistra é essa acontecendo na imagem?

Último Vídeo

A estranha cena que você vai ver a seguir foi capturada em Massachusetts, nos EUA, durante o fim de semana por um cara chamado Jonathan Davis e, desde que ele divulgou o vídeo no Twitter, as imagens viralizaram. Elas mostram um grupo de perus selvagens em uma aparente dança macabra ao redor de um gato morto no meio de uma estrada. Assista — e diga se a coisa toda não parece meio sinistra:

Mas, o que, afinal, está acontecendo nas imagens acima? Teriam os perus sido flagrados realizando algum ritual secreto com o intuito de ressuscitar o gato? Estariam eles simplesmente pagando seus respeitos ao animal atropelado? Pois, embora o comportamento acima pareça bem estranho para a maioria de nós, segundo os especialistas, não está acontecendo nada de mais na cena.

Comportamento animal

De acordo com Bec Crew, do portal Science Alert, as aves do vídeo provavelmente estão supernervosas e preocupadas com o animal morto na estrada, e o que elas possivelmente estão fazendo é dando uma bela inspecionada no bicho para ter certeza de que ele não oferece nenhum risco ao grupo. Portanto, não se trata de nenhum ritual macabro.

Acima, um exemplo de comportamento parecido — onde uma porção de galinhas são vistas inspecionando uma cobra

Mas, se os pássaros estão nervosos e com medo do gato, por que eles estariam se aproximando de um predador em potencial? Parece um comportamento meio incoerente, não? Segundo explicou Bec, por mais contraditório que pareça, em um primeiro momento, muitas espécies costumam se aproximar de seus predadores antes de tentar fugir deles.

Uma coisa interessante sobre os pássaros do vídeo é que, de acordo com os especialistas, todas são “pássaras”. Acontece que, no caso dos perus fêmea, as aves não contam com os mecanismos de defesa que equipam os machos. Eles possuem longas e afiadas esporas, assim como uma plumagem mais abundante que ajuda a intimidar possíveis predadores.

Sem falar que muitos machos são verdadeiros pesos-pesados, tanto que o peru mais “fortinho” de que se tem notícia bateu quase 17 quilos na balança. As fêmeas, em contrapartida, são desprovidas de esporas, não contam com plumas impressionantes e são menores. Sendo assim, para se proteger, elas costumam se congregar em grupos — o que nos remete de volta ao vídeo.

Círculo perpétuo

De acordo com Tia Ghose, do portal Live Science, os especialistas suspeitam que os perus estão caminhando em círculo ao redor do gato para se certificar de que ele está realmente morto — sem ter que se aproximar demais, se por acaso... Além disso, ao mesmo tempo, o círculo de aves serve para avisar outras presas da região sobre a presença de um possível perigo e sinalizar que elas guardem distância.

A história do ritual da morte era mais emocionante, você não acha?

Com relação ao fato de os perus terem formado um círculo tão uniforme e caminharem em fila de maneira tão organizada, a explicação também é bastante simples: eles estão apenas seguindo o comportamento da ave que se encontra na frente — e nenhum deles parece ter coragem suficiente para tomar a iniciativa de chegar mais perto do gato.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.