Salamandra-gigante-do-Japão: o anfíbio que pode arrancar seu dedo fora
130
Compartilhamentos

Salamandra-gigante-do-Japão: o anfíbio que pode arrancar seu dedo fora

Último Vídeo

Mantendo quase o mesmo aspecto a milhões de anos, a salamandra-gigante-do-Japão é o segundo maior anfíbio da Terra, perdendo apenas a salamandra-gigante-da-China. Medindo cerca de 1,5 metros e podendo chegar a marca de 36 quilos, o National Geographic revela que o animal consegue arrancar um pedaço do dedo de um humano em questão de segundos.

Mesmo com essa potência, a salamandra é que se vê ameaça pelo homem. Depois de ser alvo de caça para a alimentação, a espécie agora é protegida como tesouro nacional no Japão e são grandes os esforços para que ela possa ser preservada e consiga se reproduzir em cativeiro. Raros, esses animais só saem de seus esconderijos à noite e vivem em rios de águas geladas próximo a montanhas.

As dificuldades da reprodução

“Saber como as salamandras-gigantes se reproduzem e quais são as condições necessárias para que isso aconteça é útil para entendermos como melhor protegê-las na natureza. A maneira com que os rios foram modificados nas últimas décadas faz com que seja difícil, e às vezes quase impossível, que elas possam migrar para se reproduzir”, explica Tim Johnson, um dos entusiastas que observa o comportamento desses anfíbios.

Para ter sucesso na preservação das salamandras, os pesquisadores precisam buscar recriar o tipo de ambiente ideal para que elas possam se reproduzir. Depois de uma série de tentativas, a boa notícia é que um macho batizado de Daigoro e uma fêmea chamada Sachiko combinaram entre si e, juntos, fecundaram recentemente cerca de 500 ovos no Hanzake Nature Museum, em Shimane, no Japão.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.