(Fonte da imagem: Reprodução/The Guardian)

De acordo com uma notícia publicada pelo The Guardian, uma águia recebeu uma prótese produzida em uma impressora 3D para substituir o bico que a ave perdeu durante um ataque de caçadores ilegais em 2005.

Segundo os voluntários da organização Birds of Prey Northwest, Beauty — como a águia é chamada — teve o bico completamente destruído por um tiro, o que a deixou incapacitada de caçar, se alimentar de forma independente e, até mesmo, realizar a higienização e cuidado de suas penas.

Bico biônico

(Fonte da imagem: Reprodução/Kinetic Engineering Group)

A ideia de “imprimir” um bico novo surgiu quando Jane Fink Cantwell, uma especialista da organização, decidiu unir forças com o engenheiro mecânico Nate Calvin do Kinetic Engineering Group e, juntamente com um time de especialistas que incluía dentistas, médicos e engenheiros, desenvolveu uma prótese feita com um polímero de nylon montado sobre uma base de titânio.

O procedimento para encaixar o bico biônico foi um tanto quanto complicado e, embora Beauty infelizmente nunca possa voltar a viver na natureza devido à fragilidade da prótese, a águia já é capaz de se alimentar e cuidar de sua higiene sozinha, tornando-se um pouco mais independente dos cuidados dos voluntários da organização.

Fonte: The Guardian