Mulher diz que ficou 17 meses grávida e quer entrar no livro dos recordes
1.784
Compartilhamentos

Mulher diz que ficou 17 meses grávida e quer entrar no livro dos recordes

Último Vídeo

Wang Shi, moradora da província de Hunan, na China, quer entrar para o Livro dos Recordes: ela afirma ter ficado nada menos do que 17 meses grávida.

Segundo a jovem, ela teria engravidado em fevereiro de 2015 e, assim, daria à luz em novembro do mesmo ano. Porém, o bebê só nasceu em agosto deste ano! Ela alega que sua placenta era subdesenvolvida e, por isso, seu filho demorou a chegar.

Ela conta que, junto ao marido, foi ao hospital com frequência e que, mesmo estando no 14º mês de gravidez, os médicos diziam que ela deveria esperar, já que o feto não estava desenvolvido.

517 dias de gestação?

Até hoje, a gestação mais longa já documentada pertence a uma americana chamada Beulah Hunter, que, em 1945, ganhou um bebê depois de 375 dias, 100 a mais que em uma gravidez considerada normal.

Após 517 dias de gestação, Wang Shi diz que quer fazer parte do livro Guinness, mas muitos médicos contestam suas afirmações. Segundo um funcionário do hospital, eles pediram para ela se submeter a um ultrassom, mas a jovem teria se negado, afirmando que desde fevereiro do ano anterior sua menstruação teria parado.

Outro médico envolvido no caso afirma que eles nunca viram nenhuma evidência que sugerisse que ela estaria grávida de 17 meses, nem mesmo registros de suas primeiras consultas.

Wang Shi quer entrar no o Livro dos Recordes, mas acho que não vai dar...

É, parece que agora estamos vacinados contra “grávidas de Taubaté”. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.