Marusenko: um upgrade do cubo mágico com nome estranho e com mais desafios
13
Compartilhamentos

Marusenko: um upgrade do cubo mágico com nome estranho e com mais desafios

Último Vídeo

Mesmo quem nunca brincou com um cubo de Rubik (popular cubo mágico), o icônico brinquedo da década de 1970, já deve tê-lo visto por aí. Você pode encontrá-lo em lojas de brinquedos importados, versões descartáveis em lojas de R$ 1,99 ou na mesa do nerd mais próximo.

Esse clássico jogo de lógica e raciocínio tridimensional foi um sucesso por mais de 40 anos, (des)encantando adultos e adolescentes – numa época em que os puzzles existiam apenas no mundo real, e já era hora de ele receber uma atualização.

E foi exatamente isso o que aconteceu! O Marusenko Sphere é um upgrade ao velho de guerra cubo de Rubik, diferenciando-se sobretudo no formato, digamos, mais moderno.
Além disso, ele é composto de 54 peças, com nove tipos de movimentos e um sem-número de combinações.

Fonte da imagem: Reprodução/TheCreatorsProject

Ele é diferente das inúmeras variações e formatos que surgiram do cubo de Rubik ao longo dos anos, em que todos consistiam basicamente em preencher cada um dos lados com uma única cor. Contudo, o Marusenko Sphere vai além, oferecendo duas versões diferentes do mesmo jogo e com cinco níveis de dificuldade. E ele consegue essa proeza sem usar eletricidade!

A versão “mais fácil” consiste numa esfera com duas cores, em que o desafio é criar combinações formando diferentes desenhos – o que por si só poderá deixar você ocupado por alguns meses (ou anos).

As outras versões apresentam de três a oito cores, em que é possível criar diferentes finais para a brincadeira. Quanto maior o número de cores, maior é o nível de dificuldade e frustração.

Fonte da imagem: Reprodução/TheCreatorsProject

O Marusenko foi criado usando uma impressora 3D, o que faz dele um brinquedo seguro para crianças por não conter cola ou peças pequenas que podem se soltar (não que alguém fosse dá-lo para uma criança, claro!). Apesar do “jeitão” do nome, ele não é russo, e sim espanhol.

Ele é um substituto genial do cubo de Rubik e a sua concepção só foi possível com o advento da impressão 3D. Além da complexidade do projeto por trás desse quebra-cabeças, ele também oferece um desafio maior e diferentes finais para o jogo – soma-se a isso a dificuldade em deixá-lo parado como enfeite sobre a mesa.

Se você ficou interessado, pode encomendar o seu nesse endereço, pagando a módica quantia de mais ou menos R$ 85 – já convertidos e com taxa de frete inclusa..

 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.