De acordo com a NASA, uma equipe internacional de astrônomos teve o privilégio de observar como parte da atmosfera de um exoplaneta foi “soprada” por uma supererupção de sua estrela, como se fosse uma vela. Os cientistas utilizaram dados enviados pelo telescópio espacial Hubble para entender o evento, criando a animação acima a partir das observações realizadas.

O exoplaneta, conhecido como HD 189733b, está localizado a apenas 63 anos-luz da Terra, sendo um planeta gasoso gigante semelhante a Júpiter, só que 14 vezes maior. Além disso, o HD 189733b orbita bem próximo ao seu sol, estando 30 vezes mais próximo de sua estrela do que a Terra está do nosso Sol.

Com as observações, os cientistas determinaram que mil toneladas de gás por segundo estavam sendo sopradas da atmosfera do planeta e que átomos de hidrogênio estariam sendo lançados a velocidades mais altas do que 480 mil quilômetros por hora. Caso o evento tivesse ocorrido no nosso planeta, não teria sobrado ninguém para contar a história.

Fonte: NASA