Se você é do tipo que morre de nojo de tudo, não veja esta notícia!
182
Compartilhamentos

Se você é do tipo que morre de nojo de tudo, não veja esta notícia!

Último Vídeo

Como você sabe, caro leitor, aqui no Mega Curioso de vez em quando postamos matérias só para aqueles que nasceram com estômagos de aço — e para aqueles que sentem curiosidade mórbida por coisas nojentas. E, acredite, tem muita, muita gente por aí que aparentemente curte ver coisas capazes de matar todo mundo de asco!

Exemplo disso é a quantidade de acessos que o pessoal do Daily Mail — fonte da nossa notícia — teve ao postar o vídeo que você verá (por sua própria conta e risco) logo mais: só de compartilhamentos foram mais de 11 mil! Mas, antes de você decidir clicar sobre o play, deixe que a gente conte o que o material mostra.

A coisa mais nojenta do Universo

De acordo com Madlen Davies, do Daily Mail, o clipe traz um canadense que, depois de ter uma espinha na parte posterior do pescoço por nada menos que 20 anos, resolve recrutar a esposa para filmá-lo espremendo esse mostro. Segundo Madlen, em 2010, o local onde a espinha estava começou a ficar inflamado e coberto por pontinhos brancos, e a causar bastante desconforto devido ao inchaço.

Diante desse panorama, o homem decidiu que finalmente era hora de se livrar da espinha de estimação e, não feliz em recrutar a pobre da esposa como ajudante e para filmar essa cena épica, o canadense achou que seria uma boa ideia dividir esse momento mágico — no qual um dilúvio de pus vaza de seu pescoço — com o mundo inteiro. Francamente... Agora que você já sabe sobre o que se trata, assista abaixo se tiver coragem:

Conforme explicou Madlen, as espinhas se formam quando os poros ficam entupidos com células mortas e pelo excesso de oleosidade da pele. Já o pus surge quando bactérias se unem a essa combinação de células mortas e óleo, fazendo com que nosso sistema imunológico reaja. É por essa razão que a área ao redor do ponto branco fica vermelhinha e inflamada.

No caso do canadense, ele disse ao Daily Mail que o processo não foi doloroso e realmente serviu para aliviar o desconforto que estava sentindo. Além disso, ele também contou que ele e a esposa continuaram a repetir o processo de espremer e limpar a espinha entre duas e três vezes ao dia durante uma semana inteira!

O caroço não sumiu completamente ainda, mas, segundo revelou, é quase imperceptível no momento. Bem, e nós torcemos para que o canadense não decida cultivar mais uma espinha monumental como essas! 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.