Na Holanda, telhados secos durante inverno denunciam plantações de maconha
65
Compartilhamentos

Na Holanda, telhados secos durante inverno denunciam plantações de maconha

Último Vídeo

Para o cultivo de cannabis sativa, o nome científico da maconha, dentro de qualquer tipo de estrutura, é necessário manter sempre a temperatura do ambiente alta, para que a planta se desenvolva corretamente.

Na Holanda, produtores ilegais tiveram a “brilhante ideia” de montar estufas para o plantio da erva dentro de suas casas. Durante o inverno. Resultado: telhados estranhamente sem neve e um odor incomum exalando pela vizinhança.

Usando o Twitter, a polícia de uma cidade holandesa chamada Haarlem fez um apelo: “Não há neve no telhado do seu vizinho? Você pode denunciar fazendas de cannabis anonimamente”. A iniciativa foi criticada por alguns usuários da rede social, que afirmaram que pessoas que tenham um loft com aquecimento central, por exemplo, poderiam ser confundidas com criminosos.

Ainda assim, a ideia dos policiais parece ter sido muito melhor que a dos plantadores, já que depois do inverno se intensificar no país, várias prisões e apreensões foram feitas graças às denúncias anônimas.

Pegos no flagra

Entre as batidas que a polícia fez graças à ajuda da população estão: uma plantação com 88 mudas encontrada no quarto de uma casa na cidade de Zutphen; duas propriedades em Arnhem invadidas pelas autoridades, que fizeram diversas prisões; e o caso mais recente, que aconteceu na última segunda-feira (10), em que uma estufa com cerca de 500 mudas de canabis foi encontrada em Amersfoort.

Foto divulgada pela polícia holandesa mostra telhado de casa com plantação ilegal de maconha dentro - Reprodução

A plantação, que deveria valer aproximadamente 50 mil euros (algo em torno de R$ 150 mil), foi destruída pela polícia e a “fazenda” foi desativada. Mais uma vez, o que entregou o lugar foi o telhado muito mais seco do que de todas as casas vizinhas.

Apenas para uso próprio

Na Holanda, o consumo de maconha é liberado por lei, mas há limites estritos para isso. Uma pessoa em local público só pode portar até 5 gramas da erva para consumo próprio e não pode cultivar mais do que cinco mudas da planta em casa, ou pode ser presa.

Via EmResumo

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.