Mosteiro adota cãozinho de rua, que agora vive como um monge
2.370
Compartilhamentos

Mosteiro adota cãozinho de rua, que agora vive como um monge

Último Vídeo

O Mosteiro de São Francisco, em Cochabamba, na Bolívia, adotou um cãozinho de rua que recebeu o nome de Frei Bigotón pelos monges do lugar

São Francisco de Assis, que deu origem à ordem dos freis fransciscanos, também é conhecido como o patrono dos animais

Então, nada mais justo que os monges de lá seguissem seus ensinamentos e retirassem o cachorrinho da vida dura das ruas

Frei Bigotón agora aproveita seus dias correndo e brincando pelos terrenos do mosteiro

Segundo os monges, o cão é amado por todos

Ele até recebeu sua própria batina – e os monges “juram” que ele segue os ensinamentos de Deus

“Aqui ele aparece pregando aos peixes, por exemplo” – claro que tudo não passa de uma brincadeirinha dos franciscanos

O pessoal do Mosteiro de São Francisco espera inspirar outras congregações a fazerem o mesmo

E eles acreditam que, se mais igrejas fizessem isso, os próprios paroquianos seguiriam o exemplo e ajudariam ainda mais os animais necessitados

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.