É verdade que os elefantes têm medo de ratos?
04
Compartilhamentos

É verdade que os elefantes têm medo de ratos?

Último Vídeo

Há um velho boato, no qual muitos acreditam, que sugere a ideia de que os elefantes têm medo de ratos. Já na TV e no cinema, por mais que em muitas ocasiões os personagens sejam ou venham a se tornar amigos após se conhecerem, são muitos os casos em que essa visão é apresentada.

Um exemplo disso é o trecho do filme da Disney “Dumbo”, em que o ratinho Timothy aparece para os enormes elefantes do circo que desdenhavam do protagonista. Até o próprio Dumbo tem medo antes de virar amigo do pequeno roedor.

Os grandes elefantes ao verem o ratinho Timothy em cena do filme "Dumbo"

Entretanto, a resposta da Ciência para a pergunta do título da matéria é “não”. Os elefantes até podem sentir medo, mas não será do rato em si, segundo diversos estudos e testes realizados no mundo. O que pode acontecer é os enormes mamíferos se assustarem com qualquer coisa que apareça correndo, ou agitada, de forma repentina e sem anúncio prévio. Isso ocorre em função da baixa qualidade visual desses grandes animais.

Estudos sobre elefantes e ratos

Uma das experiências que mostra a verdadeira relação de elefantes com ratos é o teste básico de susto realizado pelo treinador de elefantes de um famoso circo internacional. Ele segurou diversos ratinhos brancos e mostrou a cada um dos gigantes de tromba integrantes da manada. Um repórter da rede de televisão americana ABC estava presente e relatou que os grandes animais sequer esboçaram alguma reação, parecendo não se importar com a presença dos roedores.

Esse teste reforça os resultados obtidos pelo pesquisador F. G. Benedict. Nos anos 1930, ele deixou que ratos entrassem nos terrenos de elefantes de um zoológico. Em nenhum momento os grandes mamíferos se alteraram ou tiveram reações significativas quando os bichinhos entraram em seus campos de visão. A situação permaneceu calma até mesmo quando os roedores chegaram a subir em seus corpos. Porém, uma descoberta interessante mostrou outro lado. Quando um dos ratos passou sobre uma folha de papel, o barulho assustou alguns dos elefantes, que chegaram a emitir bramidos.

Os mamíferos gigantes criados em cativeiro costumam ter contato regular com camundongos errantes, mas quase nunca demonstram qualquer perturbação. Ou seja, o que pode assustar os elefantes não são os ratos diretamente, mas qualquer movimento brusco ou barulho inesperado que eles ou qualquer outro animal produza.

Animais que realmente assustam os elefantes

Se os ratos não são diretamente assustadores para os elefantes, há duas espécies ainda menores que eles que conseguem aterrorizar os gigantes: as abelhas e as formigas. Segundo um estudo realizado em 2010, os grandes mamíferos herbívoros evitam consumir plantas que possuem infestações de formigas. O motivo é o medo que possuem de que esses insetos entrem em suas trombas, já que é assim que as formigas guardiãs defendem as suas colônias e formigueiros dos elefantes.

Da mesma forma, as abelhas causam grandes alardes em comunidades dos grandes mamíferos. Eles ficam todos agitados e se dispersam quando percebem a aproximação de enxames e, por meio de sua capacidade de comunicação a longas distâncias, avisam outros membros da mesma espécie sobre o perigo. Essa condição dos elefantes em relação às abelhas faz com que cientistas estudem a possibilidade de usar esses insetos para afastar manadas desses grandes animais de campos de cultivo e áreas populosas.

***

Quer saber mais sobre os elefantes? Acesse 10 fatos interessantes que podem mudar sua visão sobre os elefantes e 10 coisas que elefantes e humanos têm em comum.

*Publicado em 23/11/2015

***

Você sabia que o Mega Curioso também está no Instagram? Clique aqui para nos seguir e ficar por dentro de curiosidades exclusivas! 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.