Restauradores descobrem algo bizarro em estátua de 300 anos de Jesus Cristo
985
Compartilhamentos

Restauradores descobrem algo bizarro em estátua de 300 anos de Jesus Cristo

Último Vídeo

Estátuas religiosas, especialmente as que possuem séculos de idade, normalmente estão rodeadas por alguns segredos e lendas que só aumentam com o passar o dos anos. Já comentamos aqui no Mega Curioso sobre o mistério da estátua egípcia que rodava sozinha, lembram-se? Aliás, enigma que já foi solucionado.

Hoje, trazemos outro exemplo bastante bizarro e extremamente real: a estátua de “Señor de la Paciencia”, localizada na Igreja de San Bartolo Cuautlapan, no México.  

A estátua do século 18 possui mais de um metro de altura e recentemente passou por um processo de restauração liderado por vários especialistas do Instituto Nacional de Antropologia e História do México. O que eles encontraram nessa réplica de Jesus Cristo é tão inesperado como igualmente chocante. O segredo bizarro dessa escultura de Jesus é que ela possui dentes humanos verdadeiros colocados dentro da boca! Veja uma imagem do raio X realizado na obra:

Ninguém sabe quem colocou os dentes dentro da boca da estátua (não existem registros históricos que mencionem esse fato), porém é muito provável que eles fossem algum tipo de doação de algum fiel. É relativamente comum que os paroquianos doem roupas, cabelos ou perucas para que sejam colocados em esculturas religiosas, principalmente no México.

A estátua do “Señor de la Paciencia” deve ter passado por algo parecido: algum fiel deve ter doado os dentes como último esforço para se aproximar de Deus – pelo menos, essa é uma das hipóteses. O curioso é que os dentes podem ser vistos por todos que se aproximam do “Señor de la Paciencia”, já que a boca da estátua está levemente aberta.

Esse não é, aparentemente, o único segredo do “Señor de la Paciencia”, já que a estátua de centenas de anos reside permanentemente na Igreja de San Bartolo Cuautlapan e sempre está vestida, exceto quando é retirada do local para ser carregada pelas ruas da cidade em dias santos festivos. Veja abaixo um vídeo (em espanhol) com comentário de Fanny Unikel, a restauradora responsável pela estranha descoberta:

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.