Pedestres distraídos causam mais acidentes do que motoristas distraídos
36
Compartilhamentos

Pedestres distraídos causam mais acidentes do que motoristas distraídos

Último Vídeo

A distração pode ser um grande problema nos dias atuais, já que temos ou olhamos inúmeros itens que podem dispersar nossa atenção a todo o momento, como celulares, tablets, propagandas nas ruas, entre outros. Manter o foco pode ser algo difícil ao caminhar pelas calçadas de qualquer cidade, pois somos interrompidos e recebemos informações a toda hora. Você sabe que uma simples conversação pode trazer implicações perigosas se você não ficar atento às coisas ao seu redor?

Especialistas do Estado de Ohio, nos Estados Unidos, garantem que os pedestres distraídos sofrem e causam mais acidentes nas ruas do que os motoristas no trânsito. Jack Nasar e Derek Troyer coletaram informações nos atendimentos de emergência do país, analisando e estudando os pedestres, os motoristas e os ciclistas feridos por mais de cinco anos.  

O resultado? Muito mais pedestres machucados por causa de distração do que os outros dois grupos. Cegos pela desatenção, alguns dos casos chegariam a ser cômicos, se não fossem trágicos. Entre as situações está um homem que bateu em um poste e feriu gravemente o crânio enquanto falava ao celular. Outro caso relata um menino de 14 anos que também falava ao celular e que caiu dois metros de uma ponte ao pisar em um buraco no asfalto.  

O preço da distração

Os especialistas dizem que os fatos são preocupantes por essas pessoas somente estarem falando ao celular, e não digitando mensagens ou com os olhos em outro lugar – ou seja, teoricamente, prestando atenção nas coisas ao redor. A maior parte dos pedestres que sofreram acidentes nas ruas só falava ao celular (cerca de 60%), enquanto menos de 10% digitavam mensagens.

Fonte da imagem: Reprodução/PixaBay

Para surpresa dos pesquisadores, o número de pessoas acidentadas dobrou nos últimos cinco anos. Será que estamos ficando cada vez mais distraídos? Eles dizem que, se os números aumentarem, algumas leis podem ser implementadas para impedir mais danos, como restrição de celulares em locais mais tumultuados.

Seja como for, os motoristas distraídos ainda machucam muitas pessoas pelas ruas, pois, normalmente, os pedestres costumam ferir somente eles próprios nos acidentes. E você, costuma bater ou tropeçar em muitas coisas quando caminha pelas ruas ou não é nem um pouco distraído?

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.