Confira os salários de 13 técnicos da Copa do Mundo
203
Compartilhamentos

Confira os salários de 13 técnicos da Copa do Mundo

Último Vídeo

Há alguns dias você soube quais eram os salários dos jogadores que vestiram a camisa do Brasil nesta Copa do Mundo, mas e os técnicos dos principais times? Quanto recebem por mês para treinar alguns dos maiores nomes do futebol da atualidade? Confira alguns salários a seguir e depois nos conte: você também está sentindo uma vontade enorme de mudar de profissão e virar técnico de futebol?

13 – Miguel Herrera, México

Técnico do time mexicano desde o ano passado, Herrera recebe R$ 476.430,00 anualmente.

12 – Niko Kovac, Croácia

Como jogador, Kovac participou de três copas do mundo, mas desde 2006 ele é o responsável pelo treinamento dos jogadores da Croácia. Por ano, ele recebe R$ 616.970,00.

11 – Alejandro Sabella, Argentina

O time de Messi ficou com o segundo lugar nesta Copa do Mundo. O técnico dos Hermanos ganha R$ 1,8 milhões por ano.

10 – Ange Postecoglou, Austrália

Esse cara é reverenciado pelos australianos e está responsável pelo preparo dos jogadores do país desde 2012. Postecoglou recebeu três prêmios como treinador entre 2009 e 2012. O salário dele é de R$ 3,1 milhões por ano.

9 – Paulo Bento, Portugal

O técnico do time de Cristiano Ronaldo tem um alto salário e embolsa, por ano, o equivalente a R$ 4,9 milhões.

8 – Louis van Gaal, Holanda

O responsável por uma das seleções que brilhou nesta Copa do Mundo recebe o equivalente a R$ 6,2 milhões por ano.

7 – Vicente del Bosque, Espanha

Responsável pelo time espanhol desde 2008, Bosque já começou vendo sua seleção vencer o Campeonato Europeu de Futebol em 2008. O cara não só é um dos maiores nomes do futebol internacional como recebe à altura: o equivalente a R$ 7,22 milhões por ano!

6 – Joachim Löw, Alemanha

Löw, que está treinando os jogadores alemães desde 2006, viu seu time voltando para casa com a tão sonhada taça. De quebra, o cara recebe o equivalente a R$ 7,71 milhões por ano.

5 – Ottmar Hitzfeld, Suíça

Considerado um dos melhores técnicos que já passaram pelo Bayern de Munique – acompanhou a vitória de cinco títulos com o time alemão –, Hitzfeld foi nomeado o treinador do ano em 1997 e em 2001. Comandando o time da Suíça desde 2008, Hitzfeld recebe R$ 8 milhões por ano.

4 – Felipão

Dispensa apresentações. Ou você ama ou você odeia o Felipão, que, depois do fatídico 7 a 1 e da eliminação da seleção brasileira desta Copa, é um dos nomes mais comentados em nosso país. Vale lembrar, porém, que Felipão foi o técnico da seleção brasileira na Copa de 2002, da qual saímos vencedores. Desde que voltou ao comando da seleção canarinho em 2012, Felipão recebe, por ano, R$ 8,49 milhões.

3 – Cesare Prandelli, Itália

Esse cara, responsável pela seleção italiana desde 2010, é simplesmente o 18º técnico de futebol mais bem pago de todo o mundo, com um salário anual de R$ 9,22 milhões.

2 – Roy Hodgson, Inglaterra

Hodgson é o cara! Só para você ter ideia, ele já esteve à frente de 16 diferentes times de futebol em oito países. Em 2010, foi nomeado o técnico do ano e, desde 2012, é o responsável por treinar a Inglaterra. O salário de Hodgson é de R$ 10,88 milhões por ano.

1 – Fabio Capello, Rússia

Não adianta: a Rússia não sabe brincar. Até mesmo quando o assunto é o salário do técnico de futebol do time russo, nós ficamos de boca aberta. Responsável pela equipe de jogadores russos desde 2012, Capello tem o 5º maior salário de técnico de futebol do mundo: R$ 24,02 milhões por ano.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.