Ataques cardíacos e AVCs têm mais chances de acontecer às 06h30 – entenda

Ataques cardíacos e AVCs têm mais chances de acontecer às 06h30 – entenda

Ninguém quer sofrer um ataque cardíaco ou um acidente vascular cerebral – o AVC –, logicamente. Mas essas coisas acontecem e, caso você não saiba, o horário mais provável para sofrer um desses dois problemas é às 6h30. Isso acontece porque nesse horário o nível de plasminogênio inibidor-1 chega ao seu nível máximo.

Essa substância é a que garante o retardamento do desaparecimento de coágulos no sangue e, quando ela está em níveis mais altos, é mais provável que um organismo já propenso a sofrer ataques cardíacos ou um AVC venha, de fato, a demonstrar os sinais.

Essa conclusão é resultado de uma pesquisa feita pelo Hospital Brigham and Women’s e pela Universidade de Ciência e Saúde de Oregon, nos EUA. Lá, pesquisadores analisaram os sinais presentes nos corpos de pessoas saudáveis.

Pesquisa

Fonte da imagem: Reprodução/DailyMail

Eles avaliaram os níveis do plasminogênio inibidor-1 no organismo de 12 adultos sem problemas de saúde durante duas semanas. Essas pessoas passaram a mudar alguns de seus hábitos, assim os cientistas puderam observar como seus relógios biológicos funcionavam com a mudança. A ideia era descobrir se a produção do plasminogênio inibidor-1 tinha a ver com o relógio biológico ou com a rotina dessas pessoas.

Frank Scheer, líder da pesquisa, explicou, em declaração publicada no Daily Mail, que os resultados indicaram que o relógio biológico está ligado ao aumento do risco de eventos cardiovasculares no período da manhã. Segundo ele, o pico do plasminogênio inibidor-1 acontece durante as manhãs, independente das influências ambientais. Ou seja... Se você passar mal às 06h30 é melhor ir logo a um hospital.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.