(Fonte da imagem: Reprodução/The Telegraph)

Uma cientista canadense anunciou nesta semana uma descoberta interessante para aqueles que estudam os ancestrais do homem. Até então, imaginava-se que os humanos pré-históricos tinham aprendido a caçar com flechas há 300 mil anos. Porém, pontas de flechas descobertas na África do Sul podem indicar que, na verdade, já se fazia isso há 500 mil anos.

As peças foram descobertas em um sítio arqueológico chamado Kathu Pan 1. Os cienstistas acreditam que as pontas de flechas foram usadas no período Pleistoceno Médio, época associada ao homo heidelbergensis. O homo heidelbergensis pode ter sido o último ancestral em comum com os neandertais.

“As pontas de flecha descobertas são muito similares às utilizadas em outros períodos mais recentes”, explica Jayne Wilkins, PhD do Departamento de Antropologia da Universidade de Toronto, no Canadá. “Com isso, algumas características que nós associamos com os humanos mais modernos podem ser rastreadas mais para trás em nossa linhagem”, completa.