Pode parecer piada, mas é a mais pura verdade: se um terrorista quiser derrubar um avião, tudo de que ele precisa é de um termômetro comum. E o motivo para isso está na química.

Quase todos os aviões de hoje têm cascos feitos de alumínio, um material que, além de ser leve, se torna tão resistente quanto o diamante quando exposto ao ar, formando uma camada de óxido de alumínio em sua superfície. Esse material também permite que o metal não enferruje facilmente, fazendo com que a estrutura do veículo dure muitos anos.

O problema é que o mercúrio, quando em contato com esse metal, gera uma reação que simplesmente anula a camada de óxido de alumínio, ao mesmo tempo em que impede a criação de uma nova, segundo o PopSci. O resultado é assustador, como você pode ver no vídeo acima.

Por sorte, não precisamos ficar apavorados com a ideia de viajar de avião: para que o mercúrio tenha efeito, ele precisa entrar em contato direto com o alumínio, algo que só pode ser feito caso ele seja aplicado em algum arranhão da superfície. E achar uma falha no casco de um desses veículos não é uma tarefa nada fácil.