De acordo com a NASA, astrônomos da Universidade Estadual da Pensilvânia, nos EUA, com a ajuda de dados obtidos pelo telescópio espacial WISE, conseguiram identificar um sistema estelar binário a apenas 6,5 anos-luz do nosso Sistema Solar. Segundo a agência espacial, essas são as estrelas mais próximas a nós descobertas em quase um século, e o terceiro sistema mais próximo ao Sol de que se tem notícia.

O sistema está formado por duas estrelas anãs marrons, que são caracterizadas por serem frias e pouco brilhantes. Assim, em vez de se parecerem ao Sol, elas se assemelham mais a um planeta gigante, como Júpiter, por exemplo. Por esse motivo, embora esteja tão próxima, a dupla de estrelas não é visível no céu.

Os cientistas batizaram as duas estrelas de WISE J1049-5319 A e B, e acreditam que a descoberta ofereça uma excelente oportunidade para a busca de novos planetas, dada a sua proximidade com a Terra. Além disso, como este é o terceiro sistema mais próximo ao Sistema Solar — atrás apenas de Alpha Centauri, a 4,4 anos-luz, e Proxima Centauri, a 4,2 anos-luz —, é possível que em um futuro distante ele se torne um dos destinos de missões tripuladas.