NASA cria 'disco voador' para enviar pessoas a Marte [vídeo]
381
Compartilhamentos

NASA cria 'disco voador' para enviar pessoas a Marte [vídeo]

Último Vídeo

O mistério envolvendo os OVNIS sempre deixou muita gente de cabelo em pé, sendo até um tema abordado em forma de ficção científica em alguns filmes de Hollywood ao longo da história do cinema. Afinal, quem é que não se lembra da famosa frase “E.T., telefone, minha casa”, não é verdade?

Contudo, a NASA (National Aeronautics and Space Administration) decidiu acabar com esse mito e, junto com laboratório de propulsão a jato (Jet Propulsion Laboratory), desenvolveu um “disco voador” próprio — sem usar nenhuma peça em consignação do famoso OVNI que teria despencado nos Estados Unidos em 1947, no ilustre Caso Roswell.

Trata-se do LDSD (Low Density Supersonic Decelerator), ou “Desacelerador Supersônico de Baixa Densidade” — em tradução livre. Essa inovação será o primeiro teste da nova tecnologia que a NASA pretende usar para descer cargas mais pesadas sobre a superfície de Marte, assim como enviar seres humanos para realizar diversos experimentos por lá.

O design redondo dele — entre seis e oito metros de diâmetro, com capacidade de atingir 4.280 km/h — foi consequência de diversos anos de estudos, visando achar uma solução compatível com a baixa densidade atmosférica do Planeta Vermelho — equivalente a 1% da densidade atmosférica presente na Terra.

Sendo assim, os especialistas de plantão decidiram usar um paraquedas gigantesco, que vai atuar como um desacelerador inflável e fazer com que o “disco voador” desacelere suavemente, pousando sem maiores impactos.

Só para você ter ideia, o Curiosity — robô enviado para Marte em 2011 — pesava menos de uma tonelada e exigiu o desenvolvimento de um sistema bastante complexo de aterrissagem, batizado como “guindaste celeste”, gerando muita dor de cabeça aos envolvidos na missão. O problema é que, para as missões tripuladas do LDSD, calcula-se que as cargas deverão pesar entre 40 e 100 toneladas.

Prepare as malas!

Os primeiros testes do “disco voador” serão realizados no Havaí em junho — outras provas estão previstas para 2015. Era para os testes começarem no dia 3, mas foram adiados por causa das más condições do tempo.

Se os resultados derem sinal verde, em breve Marte poderá receber a visita frequente de “discos voadores” oriundos do nosso planeta. Será que em breve finalmente teremos a resposta para o sonho de criar uma colônia de seres humanos em Marte? O que nos resta é esperar para ver.

***

E você, leitor, se lembra de mais alguma inovação como essa? Não deixe de compartilhar sua opinião com a gente nos comentários abaixo.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.