O vídeo acima foi amplamente divulgado nas últimas semanas como um suposto rio de areia formado no meio do deserto em uma região do Iraque. Na verdade, o impressionante fenômeno se trata de milhares de blocos de gelo que se movem rapidamente pelo deserto.

O que originou o fato registrado no viral foi uma sequência de tempestades intensas, chuvas de gelo e fortes ventanias que vêm ocorrendo em regiões próximas. Pela aparência e pelo barulho, muitos sites e veículos de comunicação acabaram se confundindo e divulgaram a publicação como sendo o registro de um rio de areia.

As precipitações fizeram o governo do Iraque declarar estado de emergência na região que é conhecida pelo clima seco, mas que teve de enfrentar a situação crítica. Os moradores locais afirmaram que as pedras congeladas tinham, em média, o tamanho aproximado de bolas de golfe, segundo informações do The Huffington Post.

De acordo com o site Mirror, a medida do governo iraquiano foi tomada tendo em vista a dificuldade dos serviços de emergência, que costumam lidar com tempestades de areia. A falta de preparo acabou prejudicando o atendimento à população, que sofreu os danos causados pelo fato e lotou hospitais e instituições governamentais.

O fenômeno inexplicável das fortes tempestades é a segunda ocorrência climática incomum que atinge o Iraque desde o verão. Em agosto, o tempo desregulado fez a capital Bagdá enfrentar temperaturas escaldantes de até 52 °C e o governo precisou decretar folga obrigatória de quatro dias no país.

O que você acha que está causando os fenômenos climáticos inexplicáveis no Oriente Médio? Comente no Fórum do Mega Curioso