Veja dupla de aviões voando em formação por dentro de um galpão [vídeo]
24
Compartilhamentos

Veja dupla de aviões voando em formação por dentro de um galpão [vídeo]

Último Vídeo

Inspirados nos pilotos que costumavam voar sozinhos por dentro de celeiros no começo do século 20, uma dupla de britânicos resolveu repetir uma dessas manobras arriscadas, mas com um diferencial. Serem os primeiros no mundo a pilotar dois aviões em formação por dentro de uma construção.

Voando juntos há 17 anos, Paul Bonhomme e Steve Jones planejavam realizar o feito audacioso há anos. O problema era que eles não encontravam o lugar ideal para realizar a manobra, até verem o galpão no aeródromo de Llanbedr, localizado no País de Gales.

Bonhomme, o piloto líder, disse ao jornal Daily Mail pouco depois de ter realizado a façanha que: “Em última análise, se nós errássemos algo, bateríamos no galpão, então puxar o avião pra cima [depois da passagem pela estrutura] e ver que Steve ainda estava lá me deu uma grande sensação de alívio. Mas foi realmente divertido e ligeiramente bizarro pilotar por dentro de uma construção com meu parceiro”.

Permissão especial

Os aviões pilotados pela dupla britânica são do modelo Xtreme Air XA 41, e possuem 7,5 metros de envergadura – distância entre as pontas das asas – e o galpão utilizado na manobra possui um vão de 35 metros de largura por onde eles poderiam passar. Isso quer dizer que, voando lado a lado, cada um teria aproximadamente dez metros de espaço sobrando para corrigir sua posição.

Apesar de parecer muita coisa, como eles estavam voando a quase 300 km/h, essa distância é praticamente ínfima, e qualquer erro poderia ser fatal. Jones, piloto ala, também falou ao jornal inglês: “Não existe nada que possa se comparar à sensação de quando se está a 180 metros do hangar e já não há mais opção, você está completamente encurralado e tudo o que precisa checar é se você está alinhado com o vão no prédio e então passar por ele”.

Devido ao alto grau de perigo da manobra, os pilotos precisaram solicitar uma permissão especial à Autoridade de Aviação Civil, órgão britânico que regula as atividades aéreas. Representantes da entidade estavam presentes para supervisionar a realização da proeza. Além de diversas câmeras posicionadas em volta do hangar, toda a ação também foi registrada por uma câmera que pode rodar 360 graus, afixada na asa esquerda do avião de Bonhomme, que é bicampeão mundial da Corrida Aérea Red Bull.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.