(Fonte da imagem: Thinkstock)

Segundo o pessoal do site io9, um novo estudo realizado por pesquisadores da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, sugere que estamos no meio de um evento geológico que, quando concluído, poderá causar um verdadeiro caos na vida do nosso planeta.

Calma, calma! Ainda vai demorar um pouquinho para que isso aconteça — algo entre mil e 10 mil anos —, mas, de acordo com os pesquisadores, o campo magnético terrestre parece estar se preparando para passar por uma inversão, ou seja, o Polo Norte e o Polo Sul devem trocar de lugar.

Troca-troca

Tais inversões ocorrem periodicamente — uma vez a cada 450 mil anos, aproximadamente — e a última delas ocorreu há 780 mil anos, compreendendo um período estranhamente longo. Assim, para determinar quando a próxima deve ocorrer, os pesquisadores avaliaram imagens sísmicas do centro da Terra.

Os cientistas detectaram um aumento assimétrico em um dos hemisférios — o Oriental —, coincidindo com a localização atual do eixo magnético terrestre. Essa linha não passa exatamente pelo centro do planeta, mas se encontra levemente inclinada, coincidentemente, na direção leste.

Entretanto, conforme afirmaram os pesquisadores, essa inclinação ocorreu recentemente, pois, até 200 anos atrás, tal linha recaía sobre o Hemisfério Ocidental, por pelo menos 10 mil anos. O fato de que tenha mudado em apenas dois séculos indica um câmbio bastante rápido — em termos geológicos — de oeste para o leste.

De lá para cá

Tal mudança também está relacionada às inversões magnéticas, levando os pesquisadores a acreditar que essa seja uma evidência de que a inversão possivelmente já esteja acontecendo. Contudo, em se tratando de medir o que acontece no centro da Terra, ainda é impossível afirmar que qualquer coisa esteja realmente se sucedendo, e os efeitos só poderão ser observados dentro de alguns séculos.

Fontes: Nature e io9