Descubra o que acontece quando jogamos um imã dentro de um tubo de cobre
Seja o primeiro a compartilhar

Descubra o que acontece quando jogamos um imã dentro de um tubo de cobre

Algum dia você já parou para se perguntar o que aconteceria se jogasse um imã dentro de um tubo de cobre? Pois é, nem sempre essas coisas passam pela nossa cabeça, mas a internet está aí para permitir que as pessoas compartilhem suas incríveis experiências com outros usuários.

E foi exatamente isso que o responsável pelo canal HedgehogTH, no Youtube, fez. Com um pedaço considerável de um cano de cobre e dois imãs de neodímio em tamanhos diferentes, o usuário nos mostra a surpreendente interação entre esses dois elementos.

A primeira vista, parece um truque de mágica, ilusionismo ou um recurso de edição de imagem qualquer capaz de fazer com que tenhamos a impressão de que o imã está sendo freado ao cair por dentro do cano. Mas o responsável pelo vídeo repete a experiência várias vezes, demonstra outros tipos de interação entre as peças e nos prova que o que vemos está realmente acontecendo.

A explicação científica

Antes de partir para a explicação do fenômeno, vale ressaltar que o imã de neodímio possui propriedades incríveis e é especialmente poderoso. Compostos por uma combinação de neodímio, ferro e boro, mesmo um pequeno exemplar desse tipo de imã é capaz de destruir o conteúdo de um disco rígido, desmagnetizar monitores e prensar os dedos se atraído por um objeto magnético, tamanha é sua força.

A partir daí, fica mais fácil entender a interação do imã de neodímio com o tubo de cobre. Ao aproximar o poderoso imã de um material não magnético condutor de eletricidade – como é o caso do tubo de cobre –, o imã induz uma corrente elétrica no metal. Como a corrente elétrica tem um campo magnético próprio, os dois campos se opõem e isso diminui a velocidade da queda do imã.

Então, essa desaceleração que ocorre com o imã de neodímio ao passar pelo tubo de cobre é o efeito do campo magnético agindo sobre ele. Em resumo, essa é uma clássica demonstração da Lei de Lenz, que deriva do princípio de conservação de energia. Parece mágica, mas é só ciência!

*Publicado originalmente em 08/02/2014.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.

Comentários

Você já percebeu que passamos por algumas mudanças por aqui, né? Uma delas é melhorar também o nosso campo de comentários - e nada melhor do que você, nosso leitor, para nos ajudar e garantir que a gente esteja no caminho certo. Substituímos temporariamente nossos comentários por uma pesquisa rápida para implementarmos mais uma melhoria. Como você acredita que nossa interação pode ser mais próxima aqui?

CLIQUE AQUI PARA RESPONDER