Alla Illyinichna Levushkina é uma simpática médica que trabalha como cirurgiã em um hospital em Ryazan, nas proximidades de Moscou, na Rússia. O que a difere dos outros médicos do hospital é, basicamente, a sua idade: Alla tem quase 90 anos.

Apesar disso, essa simpática senhora realiza em média quatro cirurgias por dia e, aos 89 anos, está há 67 na profissão. Em casa, Alla cuida de um sobrinho com deficiência e não deixa faltar nada aos oito gatos que vivem com os dois.

Estilo de vida

“Ser médico não é apenas uma profissão, mas um estilo de vida”, disse ela, que ainda não faz planos de aposentadoria. “Se eu parar de trabalhar, quem vai fazer as cirurgias”, questiona a médica que é considerada a cirurgiã mais velha do mundo.

Quando perguntada sobre o segredo para a longevidade e para a boa forma física e mental, Alla diz que não tem nada de secreto, mas que come de tudo, ri muito e chora muito.