5 mitos esclarecidos sobre a vacina da gripe
221
Compartilhamentos

5 mitos esclarecidos sobre a vacina da gripe

Último Vídeo

Aqui no Brasil estamos em plena primavera, faltando cerca de um mês e meio para o verão. Entretanto, lá no Hemisfério Norte os países já entram em alerta com a queda das temperaturas do final do ano e iniciam uma incessante campanha de prevenção da gripe.

Com esse assunto em pauta por lá, a versão norte-americana do Gizmodo criou uma lista com os principais mitos sobre a vacina da gripe, esclarecendo dúvidas e explicando algumas informações sobre ela que são úteis para todos. Afinal, seja inverno ou verão, é importante estar imunizado. Abaixo você confere cinco mitos e seus respectivos esclarecimentos.

1– A vacina contra a gripe causa gripe e faz mal

Este é, de longe, o mito mais comum por aí. Há pessoas ficam doentes logo depois de ter tomado a vacina contra a gripe? Claro, mas elas, provavelmente, já haviam sido contaminadas com o vírus antes da injeção e levou alguns dias até os sintomas aparecerem, sendo apenas uma coincidência ou um resfriado oportunista devido a uma friagem ou algo do tipo.

E qual a explicação? A vacina contra a gripe leva duas semanas para estabelecer a proteção, enquanto o vírus da gripe leva de dois a cinco dias para incubar. Ou seja, uma pessoa que fica com a gripe uma semana após a vacina, já estava infectada quando foi vacinada.

No entanto, uns sintomas constatados é que algumas pessoas têm dor de cabeça e ficam levemente febris após tomar a vacina. Mas isso é resultado do sistema imunológico que aumenta a produção de anticorpos contra as estirpes da influenza. Mas, de qualquer forma, não configura uma gripe causada pela vacina.

2– As mulheres grávidas não devem receber a vacina contra a gripe

As grávidas não só podem, como devem tomar a vacina. A vacina contra a gripe é segura para futuras mães e, mesmo depois do bebê nascer, aquelas que receberam a vacina durante a gravidez têm proporcionado aos filhos um pouco de proteção extra contra infecções respiratórias agudas.

A vacina ainda pode reduzir o risco de outras doenças, como o transtorno bipolar associado com a exposição pré-natal a gripe em crianças. Além disso, é importante esclarecer que a vacina não causa abortos espontâneos e sim é útil para evita-los, pois o que pode causar problemas ao feto é a própria gripe.

3 – As vacinas da gripe podem causar a doença de Alzheimer

Fonte da imagem: Shutterstock

Este mito é ainda abordado no site da Associação de Alzheimer, em que eles observam um estudo de 2001 que mostrou um risco reduzido da doença de Alzheimer entre aqueles que haviam recebido vacinas contra a gripe, contra a poliomielite, contra o tétano e difteria. Na verdade, o mito originou-se com um charlatão chamado Hugh Fudenberg, que não tinha provas para a afirmação.

Enquanto isso, os idosos estão em maior risco de complicações da gripe e são recomendados a tomar a vacina a cada ano, particularmente a inativada para aqueles com mais de 65 anos de idade.

4 – As vacinas contra a gripe não funcionam

De fato, as vacinas contra a gripe não são 100% eficazes e, na verdade, nenhuma vacina é totalmente 100%. Mas elas reduzem o risco de pegar a gripe mesmo se eles não podem eliminar o risco por completo e há toneladas de estudos que mostram isso.

Infelizmente, a eficácia da vacina contra a gripe varia um pouco de ano para ano, devido as variações do influenza, e está entre as vacinas mais eficazes em comparação com a vacina contra sarampo, caxumba e rubéola, cuja eficácia é superior à alta de 90%.

Porém, quanto mais pessoas tomarem a vacina, maior será a imunização em um grupo. O problema com a gripe é que sempre existem novas cepas aparecendo. Mesmo assim, ainda vale a pena se vacinar para se prevenir de algumas.

5 – Eu nunca pego a gripe e não preciso da vacina

Como você pode prever se vai pegar ou não? Obviamente, é importante ser saudável, manter uma alimentação balanceada, bons hábitos de higiene, mas isso tudo não livra as pessoas de serem contaminadas, infelizmente. Por isso, é fundamental se vacinar. E a gripe não pega as pessoas somente no inverno não, sendo que em todas as estações ela está presente. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.