6 dicas para acabar com pensamentos acelerados
295
Compartilhamentos

6 dicas para acabar com pensamentos acelerados

Último Vídeo

Pensamentos acelerados são comuns em pessoas com ansiedade, altos níveis de stress e insônia, por exemplo. Basicamente, o pensamento acelerado é aquela sensação de que a mente não consegue se aquietar de modo algum. Fica difícil se concentrar nas tarefas cotidianas, na leitura do novo livro, nas conversas com os amigos e, inclusive, na hora de pegar no sono. A seguir, aprenda alguns truques para acalmar um pouco a cabeça:

1 – Já ouviu falar de distância cognitiva?

Pense nos seus problemas como se eles fossem de outra pessoa, assim fica mais fácil deixar de se incomodar com eles. Isso funciona porque nossa mente tem preocupações que nem sempre fazem sentido e que, às vezes, nem são verdades.

Se a pessoa que você namora tem se comportado de maneira diferente, por exemplo, sua primeira reação é acreditar que ela está tendo um caso. Pode ser apenas que ela esteja preocupada com o trabalho ou trabalhando mais do que gostaria. Não é isso que você diria a um amigo?

Pense friamente sobre suas preocupações

2 – Tenha seu mantra

Não um mantra budista – a não ser que você queira, claro –, mas sim aquela palavra ou frase para repetir mentalmente sempre que precisar acalmar os ânimos. Coisas como “vai passar” ou “a vida é boa” podem ser boas repetições para momentos de ansiedade e mesmo para os mais calmos – pensar em coisas positivas não faz mal, sabia?

Vai dar tudo certo =)

3 – Mantenha o foco no presente

Deixar de pensar nos erros do passado e nos medos do futuro é uma forma de tirar de você o peso daquilo que não se pode controlar. Aprenda com o que deu errado antes, sinta saudade do que foi bom, respire fundo e continue.

O que importa é o agora

4 – Coloque as coisas no papel

Escrever, por si só, é uma prática que desacelera seus pensamentos, afinal você precisa manter o foco na hora da escrita. Pegue um bom e velho caderno e coloque nele o que quer que venha à sua mente: de preocupações a alegrias. Quando os pensamentos estão em sua mente, eles podem criar a sensação de caos, mas quando você os coloca em papel, pode enxergá-los de maneira mais apropriada, organizada.

Se essa é uma prática incomum para você, antes de começar a escrever, dedique um tempinho a pensar no que quer colocar no papel e não espere se tornar um novo Neruda ou uma Lygia Fagundes Telles – se isso acontecer, maravilha, mas a ideia é escrever apenas como uma espécie de terapia mesmo.

Escrever é sempre bom!

5 – Respire

Respirar é fundamental para acalmar os ânimos do seu sistema nervoso simpático, que, apesar do nome, é responsável pela agonia sem razão que sentimos às vezes. Conte até três enquanto enche os pulmões de ar e até cinco enquanto os esvazia. Mantenha esse exercício por algum tempo e, enquanto estiver a fazê-lo, preste atenção apenas em sua respiração. Neste post, há até um GIF que ajuda você a fazer isso.

Não subestime o poder da respiração, hein!

6 – Tenha paciência

Não espere seguir todas as dicas acima em apenas um dia e deixar de ter pensamentos acelerados logo em seguida. É preciso tempo para criar novos hábitos, e, quando o assunto é o seu bem-estar mental, talvez valha a pena você insistir um pouquinho e repetir esses exercícios diariamente.

Vale lembrar também que pensamentos acelerados podem estar por trás de algumas condições mentais, como ansiedade, transtorno bipolar e até mesmo depressão. Se esses exercícios não ajudarem mesmo depois de muita prática, considere procurar ajuda médica e psicológica.

Mudanças grandes não costumam acontecer de uma hora para a outra

***

Você tem ou já teve pensamentos acelerados? Comente no Fórum do Mega Curioso

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.