O misterioso e insolucionado desaparecimento de Keith Reinhard
14
Compartilhamentos

O misterioso e insolucionado desaparecimento de Keith Reinhard

Último Vídeo

Em 1988, prestes a completar 50 anos, o jornalista esportivo Keith Reinhard passou a entender o que era uma crise de meia-idade. Decepcionado com sua vida e desapontado com sua incapacidade de alcançar certos sonhos de infância, o repórter decidiu tirar férias: abandonou sua movimentada rotina em Illinois — onde morava com sua esposa e dois filhos — e procurou um local calmo para se reencontrar. Sua escolha parecia certeira: a pacata e minúscula cidade de Silver Plume, localizada no estado do Colorado.

Na época, Silver Plume (famosa por ser rodeada de montanhas) tinha cerca de 200 habitantes. Reinhard enxergou no local uma chance de se concentrar em seu velho desejo de escrever um livro, algo que exigia tranquilidade. Além disso, caminhadas rotineiras pelos vales rochosos pareciam uma ótima forma de eliminar peso e retomar a saúde que ele havia perdido para a depressão ao longo dos anos anteriores. O jornalista chegou a seu destino e alugou uma loja para vender antiguidades.

Até aí, tudo bem. Só que existia um detalhe: os habitantes lhe contaram que, exatamente 1 ano antes, o antigo dono daquela loja — um homem conhecido como Tom Young — havia desaparecido durante um passeio com seu cão Gus. Em vez de se assustar com tal história macabra, Reinhard encarou o fato como uma premissa para o seu tão sonhado livro e começou a pesquisar com afinco (que alguns até podem considerar uma leve obsessão) o antigo gerente do antiquário.

O segundo desaparecimento

Não demorou muito até que as coisas começassem a ficar estranhas. Poucos meses após a mudança de Reinhard, os esqueletos de Tom Young e Gus foram encontrados durante uma patrulha nas montanhas da região. Ao lado dos restos mortais de Young, os patrulheiros acharam uma mochila e uma pistola — exames posteriores provaram que tanto o homem quanto o animal de estimação foram mortos com um tiro na cabeça.

Visto que a pistola havia sido adquirida pelo próprio Young dias antes de seu desaparecimento, suicídio parecia ser a hipótese mais palpável para o seu falecimento, embora ninguém soubesse explicar os motivos que levariam o cidadão a assassinar seu tão amado cachorro.

Enquanto isso, os negócios de Reinhard não iam muito bem. O antiquário vendia pouco (o que é esperado para uma cidade com esse número de habitantes), e, certo dia, o escritor fechou a loja ao entardecer e avisou algumas pessoas que iria escalar as Montanhas de Pendleton. Quem ouviu essas palavras encarou a afirmação como uma piada — tais montanhas eram perigosas, sendo habitadas por animais selvagens e tendo uma altura de mais de 3,5 mil metros.

Infelizmente, Reinhard não estava brincando. O jornalista iniciou sua jornada às 16h30 e prometeu voltar até as 22h; porém, ele nunca mais foi visto. No dia seguinte, equipes de buscas vasculharam as montanhas e não encontraram um único sinal de Reinhard, mesmo com a ajuda de helicópteros e cães de caça. Por fim, a procura terminou quando um avião Cessna que carregava dois patrulheiros acabou caindo, matando um dos ocupantes.

As diversas teorias

Até hoje, ninguém sabe que fim teve Reinhard — embora existam muitas teorias a respeito do que teria acontecido com o homem. Uma delas afirma que o escritor acabou se aprofundando tanto no personagem de seu livro (inspirado em Tom Young) que ele teria decidido retomar seus passos, explorando a perigosa montanha em busca de inspiração. Em seu computador, foi encontrado o manuscrito incompleto de sua obra literária, com o último parágrafo narrando um fictício Guy Gypsum indo visitar as montanhas.

Isso — aliado ao fato de que o jornalista escreveu uma carta ao seu editor 1 semana antes de seu desaparecimento dizendo ter interesse em cobrir o jogo do Chicago Bulls — fez com que muitos acreditassem que Reinhard simplesmente decidiu se suicidar, mas armando um cenário que fizesse seu desaparecimento parecer acidental.

Há também aqueles que juram ter visto o cinquentenário conversando com uma bela moça em uma festa um dia antes de sumir do mapa. Teria ele decidido deixar toda a sua vida para trás e viver com tal mulher desconhecida? E, é claro, não podemos deixar de citar a teoria sobrenatural da história: seria o antiquário um local amaldiçoado que acabou enlouquecendo e causando a morte dos dois homens? Infelizmente, ao que tudo indica, nós jamais teremos uma resposta concreta para esse mistério.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.