Martin Messier é um artista canadense muito criativo e engenhoso. Ele decidiu imaginar como seria transformar uma série de velhas máquinas de costura Singer — ou “cantor”, em inglês — em um verdadeiro coral, resgatando esses objetos do esquecimento e montando uma curiosa orquestra mecânica.

De acordo com informações do site Humans Invent, cada integrante da orquestra de Messier — formada por 8 máquinas de costura fabricadas nos anos 40 — tem sua “voz” amplificada e processada através de computadores, que tornam o som rítmico e harmonioso, combinando com os efeitos de luz produzidos cada vez que uma Singer canta.

No momento, a orquestra de Messier se encontra em turnê pela Europa, e o artista — costureiro e músico — espera poder trabalhar com outras máquinas no futuro, explorando a musicalidade e ritmo dos mais inusitados objetos.

Fontes: Vimeo e Humans Invent