Em áreas mais poluídas, imagens assim são cada vez menos comuns
(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Você já deve ter reparado que nos últimos anos o número de pessoas que aderiram ao vegetarianismo está crescendo bastante. Mas se você acha que isso é algo exclusivo dos seres humanos, está muito enganado. Um estudo da Universidade de Loughborough, no Reino Unido, mostra que até mesmo as plantas carnívoras estão mudando seus hábitos alimentares.

E o grande responsável por isso é o ser humano. Segundo os pesquisadores, as plantas carnívoras estão conseguindo capturar todo o nitrogênio que demandam por meio do próprio ar. O motivo para isso é a poluição, que pode ser capaz de fazer com que maiores quantidades de nitrogênio sejam levadas até as plantas. Segundo o Chem.info, em áreas com maior poluição, as plantas absorvem apenas 22% do nitrogênio pelos insetos.

Já em locais com menos poluição, pelo menos 57% do nitrogênio é obtido pela morte dos pequenos animais. Um fato interessante sobre as plantas que estão se tornando “vegetarianas”: elas estão sofrendo modificações estruturais bem visíveis. A maioria está ficando com folhas mais coloridas e menos pegajosas.

Fonte: Chem.Info