Os 13 piores e mais bizarros recordes do mundo
71
Compartilhamentos

Os 13 piores e mais bizarros recordes do mundo

Último Vídeo

Quem nunca sonhou em entrar para o livro dos recordes, marcar seu nome na história e mostrar para todo mundo que você é o melhor naquilo que faz? Pois bem, a ideia é ótima, porém tem gente que não sabe brincar e acaba extrapolando nos desafios.

Hoje, a instituição responsável pelo Guinness World Records foi forçada a criar regras que impedem desafios perigosos ou que sejam eticamente questionáveis, visto que não existe um limite de idade para que alguém tente alguma loucura e acabe se aleijando acidentalmente. A seguir, você confere uma lista com os 13 piores e mais bizarros recordes já registrados.

1. O maior tumor já removido de uma pessoa

Em agosto de 2010, os médicos retiraram um tumor de 24 quilos que ficou alojado no ventre de uma argentina durante 18 meses. Foram necessárias quatro horas de operação para livrar a senhora de 54 anos do problema. Depois da cirurgia bem-sucedida, a paciente voltou para casa pesando apenas 105 kg – 35 kg a menos do que quando entrou no hospital.

2. O maior número de baratas comidas em um minuto

Ken Edwards, um apanhador de ratos aposentado da cidade de Glossop, na Inglaterra, comeu 36 baratas em apenas um minuto. O feito foi gravado no palco do programa The Big Breakfast em 5 de março de 2001. A coragem do homem causou tanto alvoroço que ele se tornou uma celebridade instantânea. Abaixo, você confere o vídeo do “saboroso” banquete.

3. Escrevendo até um milhão

Les Stewart de Mudjimba, da Austrália, mantém o troféu por digitar todos os números de um até um milhão por extenso. Ele iniciou a façanha em 1982 e terminou em 25 de novembro de 1998.

Para a tarefa, foram necessárias sete máquinas de escrever (nada de computadores), 1 mil potes de tinta, 19.890 páginas, 16 anos e 7 meses. No fim, ele completou o manuscrito com os dizeres “novecentos e noventa e nove mil novecentos e noventa e nove... um milhão”.

Quando questionado por que gastou todo esse tempo em uma tarefa repetitiva, Les disse simplesmente que não tinha muito o que fazer depois que havia sido considerado inválido e não poderia mais trabalhar. Além disso, o homem gostava de redigir e desempenhava o papel de escrivão da polícia antes de ficar doente e ser afastado do cargo.

Digitando uma média de três páginas por dia com apenas um dedo desde abril de 1982, Les informa que seu segredo era escrever durante 20 minutos por hora – e fazia isso toda hora. De qualquer forma, esse é um bom exemplo de superação.

4. A maior coleção de Smurfs do mundo

Quando se trata de coleção, o assunto pode ficar perigoso. Existe uma tênue linha que divide um hobby de uma verdadeira compulsão, não sendo muito difícil trespassá-la. Stephen Parkes, de Nottingham, Inglaterra, com certeza “smurfetizou” os limites e construiu a maior coleção de produtos oficiais dos Smurfs do mundo.

São mais de 1,1 mil peças únicas, sendo que o próprio Parkes admitiu ter pago mais de US$ 1,5 mil (mais de R$ 4 mil) pelos bonequinhos mais raros e valiosos – haja grana!

Mas será que existe alguma diferença entre a obsessão de Stephen e a dos colecionadores de figurinhas, chaveiros, selos ou qualquer coisa estranha que você possa imaginar? Na verdade até que sim, pois nenhum deles costuma se pintar de azul e posar ao lado da coleção – porém, que fique claro que existem cosplays muito mais bizarros por aí.

5. O maior número de aranhas no corpo durante 30 segundos

Esse não é um recorde para qualquer um. Na verdade, apenas um australiano teria coragem suficiente para encará-lo. Pois bem, o jovem Tom Buchanan é de lá e conseguiu manter 125 aracnídeos andando em seu corpo.

Ainda que os “simpáticos” bichinhos não fossem venenosos, eles ainda possuíam presas capazes de criar feridas grandes, dolorosas e muito infecciosas. O garoto foi esperto o suficiente para se manter calmo e não provocar a fúria das criaturas – e pensar que tem gente que foge de baratas... ou as devora.

6. O maior tempo vivendo com escorpiões

Se um encontro com aranhas parece moleza para você, esse aqui deve assustá-lo pelo menos um pouco. Kanchana Ketkaew passou 33 dias com 5.320 escorpiões em um cubículo de vidro com pouco mais de 12 metros quadrados em Royal Garden Plaza, na Tailândia.

Apesar de ter recebido 13 picadas, a mulher venceu o recorde anterior, que era de um dia com aproximadamente 2 mil bichos dessa espécie.

7. O abdômen mais forte do mundo

Muita gente critica o caratê por ser impraticável em uma situação real de combate comparado com o jiu-jitsu ou outra disciplina baseada em agarrão. Entretanto, ninguém pode negar que a arte marcial constrói um tanquinho de aço.

O indiano Tahir Hussain, praticante do estilo, conseguiu quebrar 251 tábuas durante um período de 25 minutos com seu abdômen. Diferente de outros detentores de recordes mundiais, o homem não esconde que quebrar madeira com a barriga dói muito.

8. A maior quantidade de peso levantada com as órbitas dos olhos

Manjit Singh, de Leicestershire, Inglaterra, pode ser um dos homens mais fortes do planeta. Em seu tempo livre, ele costuma levantar objetos extremamente pesados utilizando apenas as orelhas, o cabelo e outras partes do corpo.

Em julho de 2011, o senhor levantou mais de 13 kg com um gancho preso na órbita do olho direito. Porém, isso não foi o bastante, porque apenas um ano depois ele fez um apetrecho duplo para suspender um objeto com mais de 22 kg com os dois buracos oculares do crânio – aposto que você nunca pensou em algo do tipo, não é mesmo? Mas, por favor, não faça nada parecido!

9. O arroto feminino mais alto do mundo

O arroto feminino mais alto medido a uma distância de 2,5 m e 1 m de altura alcançou 104,75 dB. Quem foi a responsável? Uma bela moça chamada Jodie Parks, dos EUA. O feito foi gravado no set do programa Lo Show dei Record em Madri, na Espanha, em 16 fevereiro de 2008. Apesar da aparência educada e gentil, a menina mostrou como é que se arrota de verdade, deixando os apresentadores no chinelo.

10. O maior número de larvas movidas com a boca em 1 hora

Se você não vomitou até agora, é melhor correr para o balde. Charlie Bell, um metalúrgico inglês aposentado, conquistou o recorde ao mover o maior número de larvas utilizando apenas a boca. Como você pode conferir no vídeo abaixo, o homem carregou um balde lotado de um container para o outro. Após a façanha, admitiu: “Foi nojento”.

11. O maior número de pés cheirados

Madeline Albrecht de Cincinnati, Ohio, soube que sua vida tinha significado quando foi contratada pelo laboratório de testes Hill Top Research. Seu trabalho? Cheirar pés e áxilas alheias.

Durante 15 anos, a mulher conferiu cerca de 5,6 mil pés e um número indeterminado de sovacos. Será que ela ainda consegue sentir cheiro de flores e perfumes da mesma forma?

12. O maior número de camisetas vestidas de uma única vez

A criatividade no mundo dos recordes não tem limite. David Alexander vestiu 121 camisetas para quebrar a antiga façanha, que era de 107. O rapaz, que pesa 95 kg despido, alcançou rapidamente os 129 kg com roupas.

Para conseguir, Alexander contou com a ajuda dos amigos, que durante duas horas brigaram para sobrepor as diversas camisetas que variavam do tamanho P até o 8XL. Além disso, segundo as regras do Guinness, eles tiveram que informar o número a cada nova camada inserida.

Sob um sol escaldante a 33 graus, na 36ª peça o rapaz começou a suar. Ao chegar na 60ª, o pescoço de David começou ficar apertado, os ombros foram comprimidos, e as mangas ficaram tão longas que não era mais possível enxergar os cotovelos.

Foram necessários 30 minutos e quatro pessoas munidas com tesouras para tirar o jovem do aperto das vestes. Tudo isso foi documentado em vídeo e enviado para avalição. No fim, Alexander e seus amigos entraram para o Guinness.

13. O maior diário do mundo

Com a moda do Facebook e Twitter, esse recorde pode estar com os dias contados. Por um período de 20 anos, Robert Shields de Dayton, Washington, manteve um diário escrito sobre absolutamente tudo o que acontecia com ele – e sem “selfies”.

Durante 4 horas todos os dias, Shields se trancava em seu escritório particular, ligava o rádio e digitava. Seu diário teve 35 milhões de palavras, sendo considerado o mais longo do mundo. O homem realizou o projeto de 1972 até 1996, quando ficou incapacitado devido a um derrame.

Acima, você confere uma página do diário. É possível perceber que as atualizações ocorriam a cada cinco minutos e com sentenças simples do tipo: “esvaziei meu tanque d’água”, “troquei a luz”, “deitei e dormi por duas horas” etc. Pelo visto, sua memória também era ótima para lembrar de cada detalhe.

E você, leitor? Conseguiu se inspirar para quebrar algum desses recordes? Tem algo especial que só você pode fazer? Já pensou em ser o melhor do melhor do mundo?

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.