Entre na onda do Couch Surfing
Seja o primeiro a compartilhar

Entre na onda do Couch Surfing

Equipe MegaCurioso


Que tal surfar em sofás de diversos lugares do mundo? Essa expressão é apenas a tradução literal do nome da rede social Couch Surfing, mas a intenção é essa mesma: unir indivíduos de diversas nacionalidades à procura de viagens e trocas de experiências, através da hospedagem em suas próprias casas, cedendo o sofá de suas salas.

Couch Surfing é uma rede internacional e sem fins lucrativos que conecta viajantes de mais de 230 países. Criada em 2004, a rede tem sido usada desde então para a realização de intercâmbios, novas amizades e experiências educacionais que atravessam continentes e oceanos. Mas quais as maiores vantagens de fazer parte dessa rede? Conhecer diferentes culturas e poder economizar bastante nas estadias.

Fonte: Reprodução - Couch Surfing

As pessoas que se cadastram - gratuitamente - no site Couch Surfing, podem colocar seus hobbies, atividades, preferências, idiomas e se comunicar com pessoas de todas as partes do mundo. Elas podem, através desses contatos, apenas fazer uma amizade internacional, propor uma estadia na própria casa de algum estrangeiro para conhecer seu país ou disponibilizar seu próprio sofá (em inglês: couch) para receber um viajante por alguns dias. Mas para quem se cadastra e quer somente ter a possibilidade de se integrar com novas culturas apenas através da rede, não é obrigatório hospedar ninguém. Mas, se mudar de ideia, é possível alterar no seu perfil.

A iniciativa já proporcionou a viagem de milhares de pessoas, que puderam conhecer lugares incríveis, que sempre sonharam em visitar, gastando muito menos do que em hotéis e até albergues.

Com esse intercâmbio cultural é muito mais fascinante a troca de informações entre pessoas de diferentes nacionalidades, além de poder conhecer um lugar mais a fundo, como seus próprios habitantes, com dicas bem interessantes de passeios, shows, bares e restaurantes, que estão fora dos roteiros básicos para turistas. Assim como interagir e entender melhor a realidade de cada país.

Diversão e segurança

As possibilidades de viagens são inúmeras e existem usuários cadastrados que vão desde brasileiros, franceses, americanos, canadenses, até de países menos presentes nos roteiros comuns como Butão, Islândia, Bangladesh, República Checa, Costa Rica, Finlândia etc. Essa diversidade de culturas é que faz o sucesso do Couch Surfing, que alcançou em 2010, a marca de 2,5 milhões de membros.

Porém, as viagens devem ser bem avaliadas pelo usuário disposto a seguir para um país desconhecido ou receber uma pessoa totalmente estranha em sua casa. Afinal, você ou seu anfitrião, irão abrir a sua casa, a sua rotina e a sua vida para alguém que nunca conviveu antes. Primeiramente, antes de se jogar no mundo (ou num sofá de alguém que não conhece), avalie as referências pessoais que constam nos perfis dos anfitriões, geralmente declarados por outros “surfistas” que utilizaram o serviço.

Há também um sistema de certificação de segurança que alguns usuários têm e podem certificar outros anfitriões, de acordo com a confiabilidade da estadia. Dessa forma, o usuário vai ganhando pontos que confirmam seu bom caráter e favorecem também a sua estadia quando decidir partir para novas viagens.

Outra boa dica é conversar com quem já esteve no local que você quer ficar, verificar a segurança, os hábitos e até o temperamento dos anfitriões. Cautela nunca é demais e, muitas vezes, um simples choque de costumes (limpeza, horários, alimentação, religião) pode causar aborrecimento. Lembrando que, falar inglês, principalmente, aumenta muito mais as possibilidades de surfar por aí.

Se você tem o espírito de mochileira e adora conhecer novas culturas, acesse o Couch Surfing e cadastre-se! Você pode fazer amizade com muita gente interessante e, quem sabe, dar uma volta ao mundo, visitando lugares fantásticos, sem pagar valores absurdos por isso!

Couch Surfing no Twitter

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.